Técnica Emily Lima analisa rivais das Sereias na segunda fase do Paulistão Feminino

As Sereias da Vila estão finalizando a preparação para o início da segunda fase do Campeonato Paulista Feminino de 2018. E na luta para chegar às semifinais, o Santos FC terá pela frente um grupo com São José, Rio Preto e Audax.
Na outra chave estão Corinthians, Ferroviária, Ponte Preta e Taubaté. Serão seis rodadas divididas em dois turnos. As quatro equipes com melhores campanhas avançam no estadual.
Para a técnica Emily Lima, o Peixe não pode mais errar, já que terá adversários bem complicados na sequência da competição.
“É o momento de fazer um balanço geral de tudo que já fizemos na competição, mas começar do zero, afinal, agora é matar ou morrer. Não podemos pensar em empatar ou perder. É buscar a vitória em todos os jogos. São três adversários competitivos, que avançaram de fase porque mereceram”, afirmou a comandante.
As Sereias da Vila empataram apenas três jogos em toda a temporada até o momento, sendo dois contra o São José e um diante do Rio Preto, adversários na segunda fase do Paulista.
“O São José eu conheço bem, já trabalhei lá. É uma equipe que evoluiu bastante desde a estreia contra nós até o início do segundo turno. E provavelmente encontraremos um time ainda melhor nesse sábado. Já o Rio Preto é quela pedrinha no sapato. É aquele time onde as meninas não desistem nunca. Você pode estar ganhando e achando que está controlando as ações, mas de repente elas vão lá e buscam o resultado. Não tem um futebol muito vistoso, mas são eficientes demais. Sabemos das características delas e vamos tentar neutralizar isso”, disse Emily.
O Audax, por sua vez, foi rival do Santos FC em duas partidas válidas pelo Campeonato Brasileiro Feminino de 2018. Na Vila, em maio, o Peixe goleou por 5 a 1. Já em Osasco, no dia 11 de julho, as comandadas de Emily Lima venceram por 3 a 1.
“Elas cresceram bastante, são muito bem organizados com a posse de bola, e têm a proposta definida de sair jogando com a goleira. Gosto bastante de jogar contra o Audax, pois têm um estilo parecido com o nosso e as duas equipes gostam de propor o jogo. Estamos preparadas. Todas as atletas voltaram bem após a semana de folga. Agora é colocar o pé no chão e dar seguimento ao trabalho”, concluiu a treinadora das Sereias.
(Foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo/ Santos FC)