Classificado e líder do grupo, Santos FC enfrenta Ponte Preta em casa na próxima fase do Paulistão

Classificado e líder do grupo, Santos FC enfrenta Ponte Preta em casa na próxima fase do Paulistão

Classificado para a próxima fase do Campeonato Paulista desde o término da penúltima rodada, o Santos FC foi até São Paulo (SP) enfrentar a equipe do Novorizontino, neste domingo (26), pelo desfecho da fase de grupos, e perdeu pelo placar de 3 a 2. Os gols do Peixe foram anotados por Marinho. O revés não mudou a vida do Peixe na classificação final da fase de grupos: os comandados de Jesualdo Ferreira terminaram líderes do Grupo A, com 16 pontos. No mata-mata, o Peixe enfrentará a Ponte Preta, segunda colocada.

O duelo contra a equipe de Campinas, pelas quartas de final, será com mando do Peixe. Assim como na partida contra o Santo André, contra a Ponte e nas oito partidas seguintes como mandante o Santos FC terá bonecos com semblantes de seus torcedores nas arquibancadas, como forma de apoiar nossos jogadores neste momento difícil sem a fundamental presença física do nosso torcedor. Apoie o Peixe! Confira aqui como participar com seu boneco oficial.

O jogo – A primeira boa oportunidade da partida contra a equipe do interior paulista saiu dos pés de Marinho aos 3 minutos. Ele recebeu de Pará, deixou a marcação para trás e tentou emplacar chute rasteiro, mas a bola ficou com o goleiro. O Peixe emendou outra boa chance três minutos depois, com cobrança de falta de Jobson passando perto. Aos 11 minutos, Soteldo, grande nome do Peixe na partida contra o Santo André, cruzou para Jean Mota, que tentou mandar de bicicleta e assustou o goleiro Oliveira.

Após tanto pressionar, veio o prêmio: Pará descolou boa inversão para Marinho, que carregou, limpou a marcação e soltou um lindo chute, sem chance para o goleiro adversário. O Novorizontino sentiu o tento e o Peixe seguiu presente no seu campo de ataque. Aos 30 minutos, nova chance para os comandados de Jesualdo: após trama entre Soteldo e Marinho, Jean Mota recebe e cruza na medida para Jobson, que com cabeçada forte obrigou Oliveira a fazer grande intervenção.

A segunda etapa começou com o Santos FC indo pra cima do Novorizontino, e logo aos 2 minutos o Peixe ampliou o placar: em contra-ataque, Uribe invadiu a área e tocou para Marinho, para, com tranquilidade, anotar seu segundo na partida. O Novorizontino, entretanto, não sentiu o tento, e aos 12 minutos conseguiu diminuir com Cléo Silva. Dois minutos depois, a arbitragem anotou penalidade máxima duvidosa em tentativa de cruzamento de Cléo Silva. Guilherme Queiroz concluiu a gol e empatou o jogo. Com o Peixe extenuado na reta final do jogo por ter um jogador a menos, aos 36 minutos, Naldo descolou cruzamento para Batista acertar cabeçada e virar pro adversário.

FICHA TÉCNICA

Novorizontino 3 x 2 SANTOS

Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP);

Data: domingo, 26 de julho de 2020;

Horário: 16h (de Brasília);

Gols: Marinho (16′ 1ºT e 2′ 2ºT), Cléo Silva (12′ 2ºT) e Guilherme Queiroz (14′ 2ºT), Batista (35′ 2ºT);

Cartões Amarelos: Adilson Goiano (NOV), Guilherme Queiroz (NOV);

Cartão Vermelho: Uribe (SAN);

Novorizontino: Oliveira, Lepu (Nando), Adriano Mina, Bruno Aguiar, Reverson, Adilson Goiano (Bruno Santos), Leo Baiano, Vinicius Kiss (Pereira), Cleo Silva, Guilherme Queiroz (Batista), Leo Santiago. Técnico: Roberto Fonseca.

SANTOS FC: Vladimir, Pará, Lucas Veríssimo, Luan Peres, Felipe Jonatan, Jobson, Diego Pituca (Tailson), Jean Mota (Sandry), Soteldo (Anderson Ceará), Marinho (Arthur Gomes), Uribe. Técnico: Jesualdo Ferreira.

(Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Por: Bruno Secco