Victor Ferraz comemora 200 jogos e visita instituição que atende crianças carentes

Victor Ferraz comemora 200 jogos e visita instituição que atende crianças carentes

O lateral-direito Victor Ferraz atingiu a marca de 200 jogos com a camisa do Santos FC, no jogo contra o Vasco, no último sábado (01), no Maracanã, quando o Peixe venceu por 3 a 0, pelo Campeonato Brasileiro.

Nesta terça-feira (04), o atleta esteve acompanhado de sua esposa Vanessa e de seu filho Miguel no Núcleo Educacional de Recreação Infantil Gente Miúda – Associação Fábrica de Solidariedade, localizado no Morro São Bento, em Santos. O atleta doou a camisa de número 200 para contribuir com os trabalhos da instituição, que recebe diariamente cerca de 70 crianças. Veja aqui as fotos.

Durante a ação “Muito Além do Futebol”, Victor Ferraz foi homenageado pelo atleta da categoria sub-11, Calebe Barreto, que além da semelhança física, principalmente por conta do cabelo, também é da Paraíba. O Menino da Vila entregou uma placa comemorativa à Ferraz, em nome de todos os atletas do Santos FC, destacando a sua importância para os mais jovens. Victor Ferraz recebeu das mãos da esposa Vanessa, a camisa de número 200, que autografou ali mesmo, na frente das crianças atendidas pela instituição.

Para Calebe Barreto, a ação foi inesquecível. “Eu sou muito grato por ter sido escolhido para homenagear ele. Foi muito legal conhece-lo. Além de ser uma referência, ele é muito simpático”, disse o garoto de 11 anos.

O lateral Victor Ferraz  também falou sobre a ação. “Pra mim foi extremamente especial chegar em uma marca como essa, em uma grande equipe como é o Santos FC e poder conhecer e ajudar de forma social. Meus 200 jogos ainda se tornaram mais especiais. Só tenho que agradecer ao Santos FC e glorificar Jesus pela oportunidade”, ressaltou.

Nesta quinta-feira (06), o atleta jogará a sua partida 201 com a camisa do Santos FC, contra o Grêmio, às 19h, no Pacaembu, e terá uma torcida especial: seus pais vem diretamente da Paraíba e se juntarão à esposa e ao filho do jogador, na torcida pelo Alvinegro mais famoso do mundo.

(Texto: Isabel Luchesi / Foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo)