Sasha divide mérito de momento do Santos FC com torcida e espera festa na Vila contra Goiás

Sasha divide mérito de momento do Santos FC com torcida e espera festa na Vila contra Goiás

A Vila Belmiro recebeu 12787 torcedores na vitória do Santos FC por 3 a 1 sobre o Avaí, no último domingo (28), pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. A atmosfera da casa santista foi impactante do início ao fim da partida, com torcida e elenco jogando juntos. O forte apoio vindo das arquibancadas foi muito bem utilizado pelo plantel comandado por Jorge Sampaoli, que alcançou a sexta vitória seguida e assumiu a liderança isolada do nacional.

“Todo mundo viu a festa que a torcida fez. O time ajudou a trazer o pessoal de volta ao estádio, temos passado confiança para os torcedores e eles estão nos apoiando de todas as formas. Sem dúvida eles foram muito importantes para que a gente chegasse até aqui e, agora, serão mais importantes ainda para nos mantermos no topo”, disse o atacante Eduardo Sasha.

Contra o Goiás, adversário da próxima rodada, os torcedores do Peixe prometem casa cheia novamente. Os 11.650 ingressos disponíveis já foram vendidos. Restam apenas 600 lugares para a torcida visitante e 4.250 entradas para proprietários de cadeiras cativas, cadeiras especiais e de camarotes do portão 23, que não podem ser comercializados. Empolgado para mais um desafio em casa, Sasha acredita que a Vila pode ter um clima ainda mais intenso neste duelo.

“A atmosfera já é outra sabendo que na chegada (À Vila) aquela torcida já estará nos motivando, batendo no ônibus. A gente já entra com a adrenalina lá em cima com eles nos apoiando. Isso nos faz ir para cima do adversário e, com certeza, o oponente acaba sentindo. A festa está sendo muito linda e vai ser muito importante para conseguirmos mais três pontos”, comentou o camisa 27, que quer o Santos FC impondo o ritmo de jogo mais uma vez.

Com a torcida, elenco comemora primeiro gol diante do Avaí (Foto: Ivan Storti/SantosFC

“Precisamos continuar o que temos feito dentro de casa. Impondo o jogo e dando as mínimas chances ao adversário. Esses são os principais pontos para que a gente possa sair com a vitória”, afirmou o atacante, que é o artilheiro do Alvinegro Praiano no Brasileiro com cinco gols.

Santos FC e Goiás já se enfrentaram em 51 oportunidades e o Peixe leva a melhor no equilibrado histórico do confronto somando 18 vitórias, 17 empates e 16 derrotas, com 86 gols marcados e 75 sofridos.

Foto: Ivan Storti/SantosFC