Santos FC perde para Atlético-MG em Belo Horizonte pelo Campeonato Brasileiro

Santos FC perde para Atlético-MG em Belo Horizonte pelo Campeonato Brasileiro

O Santos Futebol Clube foi até a cidade de Belo Horizonte (MG) para enfrentar, neste domingo (12), a equipe do Atlético-MG, no Estádio Independência. Em jogo movimentado, de muitas finalizações das duas partes, o alvinegro praiano sofreu revés pelo placar de 3 a 1 e não somou pontos na rodada. O próximo desafio do Peixe pelo Campeonato Brasileiro será contra o Sport, na Vila Belmiro. Os ingressos para esta partida já estão à venda para sócios Black, Gold, Silver e TOP. Nesta quarta-feira (15) ocorrerá o jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil, contra a equipe do Cruzeiro, no Mineirão, na mesma Belo Horizonte.

O jogo – A partida começou truncada no Estádio Independência, com excesso de faltas marcadas. No primeiro lance de ataque do Santos FC, Rodrygo puxou o contra-golpe pelo meio mas acabou sendo puxado por Welison. No lance seguinte, aos 7 minutos, em chute de fora da área de Elias, a bola passou por todo mundo e morreu no canto direito de Vanderlei.

O Peixe não sentiu o baque e seguiu procurando brechas na retaguarda do adversário para armar seus ataques. Aos 12 minutos, Rodrygo teve boa chance pela direita, mas Victor, bem posicionado, fez a defesa. Aos 22, Jean Mota arriscou cruzamento na área, mas novamente o goleiro do Galo ficou com ela. E aos 26 minutos, o empate do alvinegro praiano: em boa jogada de Rodrygo pela direita, Bruno Henrique pegou a sobra do chute 9 santista e recuou para trás, para Gabriel soltar a bomba, sem chances para Victor. O Atlético até tentou reagir em cabeçada perigosa de Ricardo Oliveira, mas Vanderlei fez grande defesa.

A segunda etapa começou com o Peixe buscando manter a mesma intensidade imposta nos últimos 15 minutos do primeiro tempo. Aos 11, Rodrygo puxou contra-ataque perigoso pela direita, invadindo a área e chutando cruzado para boa defesa de Victor. Gabriel ainda sofreu um pênalti aos 21 minutos, mas a arbitragem não enxergou ilegalidade no lance. No lance seguinte, Ricardo Oliveira marcou para o adversário. Novamente o Santos FC seguiu pressionando o adversário, sem se intimidar com o gol sofrido. Copete ainda teve uma chance pela esquerda, bem como Rodrygo em cobrança de falta, mas o Peixe não conseguiu igualar o marcador nos minutos finais do jogo. No último minuto, Ricardo Oliveira ainda ampliou para o adversário.

(Foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC)

FICHA TÉCNICA

Atlético-MG 3 x 1 SANTOS 

Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG);

Data: domingo, 12 de agosto de 2018;

Horário: 11h (de Brasília);

Árbitro: Rodrigo D’Alonso Ferreira;

Assistentes: Helton Nunes e Thiago Americano Labes;

Cartões Amarelos: Elias (CAM), Iago Maidana (CAM);

Gols: Elias (7′ 1ºT), Gabriel (26′ 1ºT), Ricardo Oliveira (25′ e 49′ 2ºT);

Atlético-MG: Victor, Emerson, Leonardo Silva, Iago Maidana, Carlos Gabriel, José Welison, Elias (Matheus Galdezani), Chará, Nathan (Luan), Tomas Andrade (Cazares), Ricardo Oliveira. Técnico: Thiago Larghi.

SANTOS FC: Vanderlei, Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Luiz Felipe, Dodô, Alison (Yuri Alberto), Jean Mota (Léo Cittadini), Diego Pituca, Rodrygo, Bruno Henrique (Copete), Gabriel. Técnico: Cuca.