Santos FC perde do São Bento, mas termina fase de grupos do Paulistão na liderança

Santos FC perde do São Bento, mas termina fase de grupos do Paulistão na liderança

Mesmo tendo a posse de bola e buscando o ataque desde o início, o Santos FC acabou perdendo para o São Bento por 3 a 1, na tarde deste domingo, na Vila Belmiro, pela última rodada da fase de grupos do Campeonato Paulista.

Apesar do revés, o Peixe encerrou a primeira fase do torneio estadual na primeira colocação do grupo D, com 18 pontos. A ponta da chave deu ao time comandado por Jair Ventura a vantagem de decidir em casa nas quartas de final, contra o Botafogo-SP. O primeiro confronto entre as equipes acontece no próximo final de semana, em Ribeirão Preto, ainda sem dia e horário definidos.

Antes do embate com o Pantera, o Alvinegro da Vila terá pela frente o Nacional-URU, na próxima quinta-feira, às 19h15 (de Brasília), no Pacaembu, pela 2ª rodada da Copa Conmebol Libertadores.

O jogo – A partida começou com o Santos FC controlando a posse de bola e colocando pressão no São Bento. Logo aos 4 minutos, Renato tocou para Yuri Alberto, que fez o pivô e deixou para Vitor Bueno. O camisa 7 avançou, mas chutou em cima da zaga do rival.

Apesar do domínio, o Peixe encontrava dificuldades para furar o bloqueio do Bentão. Aos 25, Yuri Alberto girou em cima de João Paulo, mas não conseguiu bater o goleiro Rodrigo Viana. Quatro minutos depois, Dodô cruzou após jogada ensaiada e Luiz Felipe quase marcou.

Aos 41, porém, Robson Bambu acabou cometendo pênalti em Everaldo. Na cobrança, Marcelo Cordeiro venceu Vladimir e abriu o placar para o São Bento.

No lance seguinte, o Alvinegro se lançou ao ataque e Arthur Gomes também sofreu uma penalidade. O próprio camisa 23 pediu a bola e cobrou no canto direito do goleiro Rodrigo Viana, empatando o duelo antes do intervalo.

O segundo tempo começou do mesmo jeito que o primeiro, com o Santos FC buscando o ataque desde o início. Aos 13 minutos, Dodô tabelou com Renato, entrou na área e cruzou rasteiro. Yuri Alberto chutou, o goleiro Rodrigo Viana defendeu, a bola rebateu no rosto de Vitor Bueno e saiu pela linha de fundo.

Na jogada seguinte, Diogo Vitor avançou pelo lado direito e soltou uma bomba de longe, obrigando o arqueiro do São Bento a fazer boa defesa.

Aos 21, foi a vez de Yuri Alberto ganhar da zaga adversária no meio de campo, avançar em velocidade e bater firme com a perna direita. A bola, porém, passou por cima do gol.

E a velha máxima ‘quem não faz toma’ atacou novamente. Aos 33 minutos, Lucas Farias passou pela marcação no lado direito e cruzou para Lúcio Flávio desviar e fazer 2 a 1 para o São Bento. No último lance, o time do interior aproveitou contra-ataque e fez o terceiro gol com Fábio Bahia.

(Fotos: Ivan Storti/ Santos FC)

FICHA TÉCNICA
SANTOS 1 X 3 SÃO BENTO

Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data: 11 de março de 2018, domingo
Horário: 17h (de Brasília)
Árbitro: Vinicius Furlan
Assistentes: Herman Brumel Vani e Alberto Poletto Masseira
Público: 3.816
Renda: R$ 104.250,00
Cartões amarelos: SANTOS: Luiz Felipe e Gustavo Henrique. SÃO BENTO: Lucas Farias.

GOLS
SANTOS: Arthur Gomes, aos 45 do 1T;
SÃO BENTO: Marcelo Cordeiro, aos 43 do 1T; Lúcio Flávio, aos 33 do 2T; Fábio Bahia, aos 48 do 2T;

SANTOS: Vladimir; Robson Bambu (Victor Yan), Luiz Felipe, Gustavo Henrique e Dodô; Guilherme Nunes (Gabriel Calabres), Renato e Vitor Bueno (Copete); Diogo Vitor, Arthur Gomes e Yuri Alberto.
Técnico: Jair Ventura

SÃO BENTO: Rodrigo Viana; Lucas Farias, Luizão, João Paulo (Douglas Assis) e Marcelo Cordeiro; Fábio Bahia, Diego Felipe e Cassinho (Maicon Souza); Marquinhos (Léo Itaperuna), Lúcio Flávio e Everaldo.
Técnico: Paulo Roberto Santos