Santos FC luta até o fim e empata em 0 a 0 com o Independiente, no Pacaembu, pelas oitavas da Libertadores

Santos FC luta até o fim e empata em 0 a 0 com o Independiente, no Pacaembu, pelas oitavas da Libertadores

O Santos FC lutou até o fim na noite desta terça-feira (28), mas acabou empatando com o Independiente em 0 a 0, no Pacaembu completamente lotado, em duelo válido pela volta das oitavas de final da Conmebol Libertadores de 2018. Apesar dos resultados dentro de campo manterem o confronto igual, o Peixe foi punido pela confederação Sul-Americana e está eliminado da competição. Porém, o Clube declara publicamente que irá a todas as instâncias cabíveis.

Agora, a equipe comandada pelo técnico Cuca volta a entrar em campo no próximo sábado (1), contra o Vasco, às 19h, no Maracanã, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O jogo – Precisando da vitória, o Santos FC se lançou ao ataque desde o começo. O Independiente, por sua vez, apostava nos contra-ataques. Aos 7 minutos, Rodrygo driblou a marcação na esquerda e deu lindo passe para Gabriel.

O centroavante apareceu na entre os zagueiros, mas chutou em cima do goleiro Campana, do Independiente. Já aos 30, Bruno Henrique tentou colocado, de fora de área, mas acabou parando no arqueiro rival. Oito minutos depois, Sánchez infiltrou para Gabriel dentro da área. Porém, o camisa 10 parou mais uma vez em Campana.

Na sequência, Pituca tentou cruzamento pela esquerda e acabou acertando a rede pelo lado de fora. Aos 43, porém, a arbitragem marcou pênalti para o Independiente. Mesmo com tudo contra, Vanderlei voou para defender a cobrança de Meza. Logo no início da segunda etapa, Victor Ferraz cruzou da direita e Gabriel chegou batendo dentro da área, mas mandou pra fora e confronto terminou zerado.

FICHA TÉCNICA
SANTOS FC 0 x 0 INDEPENDIENTE

Local: Estádio Paulo Machado de Carvalho (Pacaembu), em São Paulo (SP)
Data: 28 de agosto de 2018 (terça-feira)
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Julio Bascuñan (CHI)
Assistentes: Carlos Astroza (CHI) e Claudio Rios (CHI)
Cartões amarelos: SANTOS FC: Gustavo Henrique, Alison e Derlis González. INDEPENDIENTE: Brítez e Bustos.

SANTOS FC: Vanderlei; Victor Ferraz, Gustavo Henrique, Lucas Veríssimo (Robson Bambu) e Diego Pituca; Alison (Jean Mota), Carlos Sánchez e Rodrygo; Derlis González, Bruno Henrique (Bryan Ruiz) e Gabriel.
Técnico: Cuca

INDEPENDIENTE: Campanã; Figal, Brítez, Franco e G.Silva; Bustos (Domingo), F.Silva, Hernández e Romero (Brian Romero); Gigliotti e Meza.
Técnico: Ariel Holan

(Foto: Ivan Storti/Santos FC)