Santos FC abre temporada empatando com Corinthians em amistoso pela paz nos estádios

Santos FC abre temporada empatando com Corinthians em amistoso pela paz nos estádios

O Santos Futebol Clube abriu a temporada de 2019 empatando por 1 a 1 com o Corinthians, em amistoso disputado fora de casa neste domingo (13). Este jogo, que marcou a estreia de Jorge Sampaoli no comando alvinegro, foi realizado com o intuito de promover e defender a cultura de paz nos estádios, além do respeito entre os Clubes independentemente de rivalidades. Antes de a bola rolar, como parte da nobre ação, os elencos de Santos FC e Corinthians almoçaram juntos no CT Joaquim Grava.

Com a bola em jogo, esteve em disputa o troféu Gylmar dos Santos Neves, eterno e lendário goleiro ídolo dos dois Clubes. Embora o começo da partida tenha sido marcado por estudos de ambos os lados, aos 4 minutos André Luis conseguiu brecha pelo lado direito e realizou cruzamento certeiro na cabeça de Gustavo, que abriu o placar para o rival. O Peixe não sentiu o gol e tentou responder com Victor Ferraz, que por pouco não concluiu a jogada.

O Santos FC seguiu atacando o rival e, aos 14 minutos, descolou boa chance com Gustavo Henrique: o zagueiro recebeu bom passe de Jean Mota e cabeceou forte, levando perigo ao gol de Cassio. O Corinthians tentou responder novamente com a dobrada André Luis e Gustavo: o meia avançou pela direita e cruzou de forma certeira para Gustavo, que chegou a concluir, mas parou em verdadeiro milagre promovido por Vanderlei com a perna esquerda. Aos 24′, o empate alvinegro: Jean Mota realizou bom cruzamento pela direita e, na dividida com Gustavo Henrique, Pedro Henrique cabeceou contra o próprio patrimônio.

O segundo tempo foi marcado por diversas alterações nas duas equipes: o Peixe alterou nove dos 11 atletas que começaram a partida, permanecendo em campos apenas Vanderlei e Gustavo Henrique, enquanto que o Corinthians realizou todas as substituições que podia. O principal momento de perigo da etapa final ocorreu aos 31 minutos, quando Gustavo Henrique recebeu boa bola de Carlos Sánchez e a cabeceou na trave. O zagueiro Fabian Noguera pegou o rebote e concluiu a gol, mas o impedimento já estava assinalado.

Embora a partida tenha terminado empatada em 1 a 1, os critérios para definição do vencedor do troféu Gylmar dos Santos Neves eram o menor número de cartões e o menor número de faltas cometidas. O Santos FC teve um cartão amarelo a mais do que o rival, e o troféu, portanto, ficou na Arena Corinthians.

FICHA TÉCNICA

Corinthians 1 x 1 SANTOS

Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP);

Data: domingo, 13 de janeiro de 2019;

Horário: 17h30 (de Brasília);

Cartões Amarelos: Ramiro (COR), Thiaguinho (COR), Araos (COR), Victor Ferraz (SAN), Daniel Guedes (SAN), Guilherme Nunes (SAN), Yuri Alberto (SAN);

Gol: Gustavo (4′ 1ºT), Pedro Henrique (24′ 1ºT);

Corinthians: Cassio (Walter), Fagner (Michel Macedo), Pedro Henrique (Leo Santos), Henrique (Marllon), Danilo Avelar (Mateus Vital), Richard (Douglas), Ramiro (Thiaguinho), André Luiz (Gustavo Silva), Jadson (Araos), Sornoza (Marquinhos), Gustavo (Roger). Técnico: Fábio Carille.

SANTOS FC: Vanderlei, Victor Ferraz (Daniel Guedes), Luiz Felipe (Noguera), Gustavo Henrique, Orinho (Yuri), Alison (Guilherme Nunes), Diego Pituca (Copete), Jean Mota (Arthur Gomes), Derlis González (Carlos Sánchez), Felippe Cardoso (Eduardo Sasha), Bruno Henrique (Yuri Alberto). Técnico: Jorge Sampaoli.

(Foto: Ivan Storti/Santos FC)