Sánchez recorda duelo contra o Bahia e pede “tranquilidade” em mais um desafio do Santos FC

Sánchez recorda duelo contra o Bahia e pede “tranquilidade” em mais um desafio do Santos FC

O confronto entre Santos FC e Bahia foi muito equilibrado no primeiro turno do Campeonato Brasileiro. Após um primeiro tempo sem grandes oportunidades, a etapa final foi muito movimentada, com ambas as equipes buscando o gol a todo momento. Persistente, o Alvinegro Praiano foi coroado com um gol do meia Carlos Sánchez, aos 41 minutos, aproveitando o rebote de sua cobrança de pênalti defendida por Douglas Friedrich.

“A partida do primeiro turno foi difícil. Não conseguimos fazer um bom primeiro tempo, mas fizemos um grande trabalho na etapa final. Buscamos o gol e ele só saiu no final, mas ficamos felizes por termos ganhado. O Bahia tem um time difícil, que se defende bem e sai no contra-ataque muito bem. Tem jogadores muito bons. Será um jogo difícil, como todos. Eles têm um padrão de jogo já definido há algum tempo e temos que ter tranquilidade para buscar a vitória. Sempre trabalhamos para isso”, disse o camisa 7.

Artilheiro do Santos FC na temporada com 14 gols, Sánchez prega a necessidade de manter a tranquilidade para superar este tradicional adversário. Na visão do uruguaio, um gol no início do duelo pode facilitar a conquista da 16ª vitória do Peixe.

“Ter tranquilidade é muito importante. Queremos fazer um gol cedo para dar ainda mais tranquilidade no nosso jogo. Sabemos que temos jogadores importantes que podem fazer a diferença. Temos que manter a concentração para errar o mínimo possível e marcar um gol para seguirmos calmos”, completou.

Santos FC e Bahia se enfrentaram em 63 oportunidades e o Peixe leva a melhor no histórico do confronto somando 31 vitórias, 13 empates e 19 derrotas, com 128 gols marcados e 83 sofridos.

A partida, válida pela 29ª rodada do Brasileirão, será realizada às 19h15 desta quinta-feira (31), na Vila Belmiro. Os ingressos seguem à venda.

Foto: Ivan Storti/SantosFC