Quinto jogador mais jovem a estrear pelo Santos FC, Renyer torce por sequência com Jesualdo

Quinto jogador mais jovem a estrear pelo Santos FC, Renyer torce por sequência com Jesualdo

Mesmo com apenas 15 minutos jogados como profissional, Renyer já entrou num seleto grupo do Santos FC. Ao entrar no segundo tempo da vitória por 2 a 0 sobre a Inter de Limeira, na última quinta-feira (30), na Vila Belmiro, pela 3ª rodada do Campeonato Paulista, o atacante tornou-se o quinto atleta mais jovem a defender o Peixe profissionalmente, superando nomes como Neymar, Rodrygo e Edu.

“Fico feliz demais por ter estreado já alçando essa marca, ficando do lado desses jogadores gigantes. Porém, ainda é só começo da minha história. Vou trabalhar bastante para buscar objetivos grandes aqui no clube e ajudar meus companheiros na busca de títulos”, afirmou o camisa 43.

Estreando com 16 anos, seis meses e 18 dias de vida, Renyer só fica atrás de Coutinho, Pelé, Gabriel e Sandry na lista de mais jovens estreantes. Já treinando com a equipe profissional desde a última semana, o atacante destacou as orientações do técnico Jesualdo Ferreira nos treinamentos e torce por novas oportunidades nos próximos jogos.

“O professor tem conversado muito comigo. Vem me dando várias dicas, principalmente sobre posicionamento, ocupação de espaço no campo. Seguirei trabalhando firme para aproveitar a chance quando ele me chamar”, destacou Renyer.

“Esses primeiros dias estão sendo importantes demais. Venho aprendendo muito com os atletas mais velhos no clube. Estou buscando ‘sugar’ toda a experiência deles para crescer profissionalmente. Ainda estou chegando de mansinho, mas já converso com todos. Aos poucos a gente vai se entrosando mais com todo o elenco. O grupo é bom demais”, concluiu.

Com Renyer à disposição, o Santos FC encara o Botafogo-SP na próxima segunda-feira (10), às 20h, na Vila Belmiro, pela 5ª rodada do Campeonato Paulista de 2020. Os ingressos para a partida já estão à venda.

Veja a lista dos cinco jogadores mais jovens a estrearem pelo Santos FC:

Coutinho: 14 anos e 11 meses e 06 dias, em 17/05/1958 – Santos 7 x 1 Sírio Libanês-GO
Pelé: 15 anos e 10 meses e 15 dias, em 07/09/1956 – Corinthians-SA 1 x 7 Santos
Gabriel: 16 anos, quatro meses e 17 dias, em 16/01/2013 – Santos 4 x 0 Barueri
Sandry: 16 anos, cinco meses e um dia, em 31/01/2019 – Bragantino 1 x 4 Santos
Renyer: 16 anos, seis meses e 18 dias, em 30/01/2020 – Santos 2 x 0 Inter de Limeira

(Foto: Ivan Storti/ Santos FC)