O Milésimo do Rei só pelo Santos

O Milésimo do Rei só pelo Santos

Por Guilherme Guarche, do Centro de Memória

Em 2 de julho de 1972, após dois anos, sete meses e 13 dias da marcação do Milésimo Gol de sua monumental carreira, o Rei Pelé voltava a assinalar outro Milésimo, só que desta feita em partidas disputadas somente pelo Santos. Esse feito memorável ocorreu em Chicago, Estados Unidos, numa das mais longas excursões realizadas pelo Alvinegro mundo afora.

Nesse giro internacional o Peixe jogou em quatro continentes – Ásia, Oceania, Europa e América do Norte –, e não perdeu nenhuma das 17 partidas disputadas, obtendo 15 vitórias e dois empates. Esse feito sem igual no futebol nacional deu ao clube de Vila Belmiro o título de A Fita Azul do Futebol Brasileiro, ofertada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e pelaA Gazeta Esportiva aos clubes que voltassem após excursões ao exterior.

O festejado Milésimo Gol de Pelé pelo Santos surgiu no décimo-terceiro jogo de uma longa excursão pelos Estados Unidos e foi o primeiro da vitória de 2 a 0 sobre o time da Universidad Unam, do México, no Hanson Stadium, em Chicago. Era um domingo, 2 de julho de 1972. O curioso é que apenas quatro minutos depois Pelé marcou novamente, chegando ao seu gol 1001 com a camisa santista.

Quem dirigia a equipe era Jair Rosa Pinto, que desde abril assumira o cargo de técnico, sucedendo Mauro Ramos de Oliveira. Jair escalou o time com Cejas (depois Cláudio), Orlando Amarelo, Vicente, Paulo e Zé Carlos (Turcão); Léo Oliveira e Afonsinho (Nenê); Jader, Alcindo (Adílson), Pelé (Ferreira) e Edu.

Essa foi a partida 971 de Pelé pelo Santos. Dessas, 41 foram disputadas nos Estados Unidos, das quais ele venceu 32, empatou quatro e perdeu cinco, marcando 51 gols.

No dia de sua despedida do futebol, 1º de outubro de 1977, ao jogar meio tempo para cada time, Pelé marcou um dos gols da vitória do time de Nova York sobre o Santos por 2 a 1. O gol veio em uma violenta cobrança de falta que surpreendeu o goleiro Ernâni aos 43 minutos do primeiro tempo, empatando a partida.

Todos os gols de Pelé

De um total de 1 282 gols assinalados pelo eterno Rei do Futebol em sua inigualável carreira profissional, 1 091 foram marcados somente em partidas do Santos. Apenas pela Seleção Brasileira, foram 95; pelo Combinado Santos/Vasco, seis; pela Guarda Costeira, 10; pela Forças Armadas e pelo Sindicato dos Atletas, três, e pela Seleção Paulista, nove.

Pesquisadores, em seus levantamentos sobre os gols do Rei, têm informações diferentes quanto à data do milésimo gol somente em partidas do Santos. Alguns apontam o jogo contra o Toronto Metros, e outros o segundo jogo contra a Universidad Unam, do México, partidas jogadas na exaustiva excursão santista pelos quatro continentes.