Nota Oficial

Nota Oficial

O Santos Futebol Clube vem a público repudiar as manifestações racistas direcionadas aos torcedores André Vinicius Feitosa Guimarães e Herbert Pereira Arruda na última terça-feira (21), no Estádio Libertadores de América, em partida contra Independiente (ARG), e registrar que já acionou a justiça para que sejam investigados os autores das injúrias raciais. Presentes no setor destinado aos visitantes, André e Herbert, além de hostilizados com manifestações racistas, também assistiram a este grupo de torcedores do Independiente imitando macacos, o que causou ainda mais constrangimento.

O futebol é uma ferramenta de união e confraternização entre os povos, transcendendo climas de disputa e rivalidades, e não abrindo brechas para qualquer tipo de discriminação. Atos de racismo representam a manifestação uma minoria ignorante da sociedade. Por nunca deixar de se pautar por seus compromissos sociais, o Santos Futebol Clube ofereceu total respaldo aos seus torcedores e, por meio de seu advogado criminal Armando de Mattos Júnior, apresentou as provas deste caso, solicitando, via polícia internacional, que sejam tomadas medidas cabíveis na Argentina.