No encerramento da temporada, Santos FC é derrotado pelo Fortaleza

Na tarde deste domingo (13), o Santos FC perdeu para o Fortaleza por 2 a 0, na Vila Belmiro, em seu último jogo do ano de 2022.

O time santista volta a campo em 2023, na estreia do Campeonato Paulista.

O jogo
A primeira boa investida do Santos FC ocorreu aos 16 minutos. Após bate rebate, a bola sobra para Marcos Leonardo, de frente para o goleiro. O camisa 9 chuta de raspão, e quase abre o placar.

Aos 26 minutos, após cobrança de falta pela direita, Maicon sobe mais que a marcação e cabeceia com perigo.

Já na segunda etapa, aos 10 minutos, Lucas Pires faz jogada pelo lado esquerdo e deixa com Camacho, na entrada da área. O volante santista ajeita e bate firme, e a bola passa muito perto do travessão.

Quatro minutos depois, Carabajal levanta a bola na área e Luiz Felipe cabeceia. A bola bate na marcação e corre para a linha de fundo. Na cobrança do escanteio, Lucas Pires fica com a sobra e manda um forte chute de canhota, e a bola passa rente a trave esquerda.

Aos 20 minutos, o Fortaleza abre o placar através de Thiago Galhardo.

Ângelo encontra Marcos Leonardo já dentro da área, aos 28 minutos, que deixa com Carabajal. O argentino bate, mas o goleiro faz a defesa.

O Fortaleza fechou o marcador aos 34 minutos, com Moisés.

FICHA TÉCNICA

Santos FC 0 x 2 Fortaleza EC

Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos
Data: domingo, 13 de novembro de 2022
Horário: 16h00
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães
Assistentes: Luiz Claudio Regazone e Thiago Rosa de Oliveira
Cartões Amarelos: José Welison (FEC); Rodrigo Fernández (SFC)
Público: 11.565
Renda: R$ 588.932,50
Gols
: Thiago Galhardo aos 20min e Moisés aos 34min do segundo tempo.
Santos FC: João Paulo; Nathan (Taílson), Maicon, Luiz Felipe e Lucas Pires; Camacho (Vinícius Balieiro), Sandry (Rwan) e Rodrigo Fernández; Carabajal (Lucas Barbosa), Marcos Leonardo e Ângelo. Técnico: Orlando Ribeiro
Fortaleza EC: Fernando Miguel; Tinga, Brítez, Titi e Juninho Capixaba; Caio Alexandre, José Welison e Hércules (Ronald); Thiago Galhardo (Silvio Romero), Pedro Rocha (Lucas Sasha) e Romarinho (Moisés). Técnico: Juan Vojvoda