Na emoção das penalidades, Sereias da Vila conquistam título inédito no Morumbi

Na tarde deste sábado (19), as Sereias conquistaram o título inédito da Copa Paulista, ao derrotar o São Paulo no Morumbi nas cobranças de pênaltis por 5 a 4. No tempo regulamentar, o São Paulo venceu por 2 a 0, e como na primeira partida o time santista também havia vencido pelo mesmo placar, a decisão foi para os pênaltis. Para chegar a grande decisão da Copa, as Sereias haviam derrotado o São José nas semifinais da competição.
Como o São Paulo precisava do resultado, tomou a iniciativa na primeira etapa, e abriu 2 a 0. No segundo tempo, o Santos melhorou muito na partida, e criou diversas chances de gols, mas não conseguiu balançar as redes. A emoção tomou conta da partida nas penalidades. As Sereias abriram uma boa vantagem no início da disputa, quando o São Paulo perdeu suas duas primeiras penalidades. A goleira Michelle fez uma linda defesa em uma das cobranças. Larissa e Tayla desperdiçaram a chance do Peixe de já vencer na diputa dos cinco penais iniciais, e as cobranças foram para as alternadas, para gerar mais uma grande emoção. O São Paulo desperdiçou sua cobrança através de Camila, e as Sereias puderam comemorar mais uma conquista em sua grandiosa trajetória.
Depois de uma temporada cheia de obstáculos, principalmente pelo fator do covid-19, as Sereias conseguem encerrar o ano com mais um troféu, mostrando toda a garra que a equipe feminina do Peixe sempre teve em todos esses anos.
O jogo
Precisando do resultado, o São Paulo tentou mais o ataque no início da partida, mas a zaga santista, muito bem postada, se manteve firme na marcação, não deixando o ataque são paulino causar grandes perigos a goleira Michele.
Aos 12 minutos, a goleira santista fez sua primeira boa defesa no jogo. Em contra-ataque do time da casa, ela espalmou um chute de dentro da área e colocou a bola para escanteio.
Oito minutos depois, o time são paulino conseguiu abrir o placar através de Jaqueline.
As Sereias quase empataram o marcador aos 30 minutos. Primeiro, com Tayla. A defensora fez uma boa jogada pela ala direita, driblou duas adversárias e foi travada na hora do chute. O time santista ficou com a sobra, e Cristiane chutou firme e a goleira são paulina defendeu.
Aos 36 minutos, a arqueira santista realizou outra grande defesa. Ela se esticou para colocar a bola para escanteio no chute da atacante são paulina.
Dois minutos depois, Maria Dias recebe a bola na entrada da área, limpa a marcação e chuta por cima do gol.
No último minuto regulamentar da primeira etapa, Jaqueline marcou mais um pro São Paulo.
No retorno do segundo tempo, logo aos 5 minutos, Cristiane cobrou falta, e a goleira são paulina espalmou e a bola acabou batendo na trave e indo para escanteio.
Aos 20 minutos, Tayla arranca pela direita, dribla a adversária e cruza na área. Cristiane faz um lindo corta luz para Analuyza, que chuta com muito perigo e a bola passa rente a trave.
Em cobrança de falta, já aos 40 minutos, Amanda Gutierres cobrou forte e de longa distância, e bola passou próxima ao gol. Um minuto depois, Amanda puxou contra-ataque e cruzou para Cristiane, que não alcançou para fazer o primeiro do Peixe.
Restando um minuto para terminar o jogo, Amanda teve uma ótima oportunidade dentro da área, mas acabou desperdiçando a chance.
Com o fim da partida e a igualdade somando os dois placares, a decisão foi decidida nas penalidades.

Ao final da partida, muita festa das Sereias pela conquista inédita! (Foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo / Santos FC)

Ficha Técnica:
São Paulo FC (4) 2 x 0 (5) Santos FC
Data: 19/12/2020
Local: Estádio Morumbi, em São Paulo
Gols: Jaqueline aos 20min e aos 45min do primeiro tempo;
Pênaltis: Amanda Gutierres, Cristiane, Day Silva, Nath Rodrigues, Fê Palermo marcaram; Tayla e Larissa perderam (SFC); Giovana, Thais e Camila perderam; Jaqueline, Dani Silva, Gláucia e Giovaninha marcaram.
Cartões Amarelos: Jaqueline (SPFC); Rita Bove (SFC)
SPFC: Carla; Giovana, Thais, Lauren e Dani; Yaya (Andressa), Cris, Larissa (Camila) e Carol (Giovaninha); Jaqueline e Gláucia. Técnico: Lucas Piccinato
SFC: Michele; Tayla, Tainara (Larissa), Day Silva e Fê Palermo; Rita Bove (Luana), Erikinha (Nath Rodrigues) e Nicole Marussi (Analuyza); Maria Dias (Ketlen), Cristiane e Amanda Gutierres. Técnico: Guilherme Giudice