Na caminhada pelo bi, Santos FC aproveita embalo do Brasileiro por vantagem na Copa do Brasil

Na caminhada pelo bi, Santos FC aproveita embalo do Brasileiro por vantagem na Copa do Brasil

O Santos FC deu uma pausa no Campeonato Brasileiro para voltar sua atenção à Copa do Brasil. Às 19h15 desta quarta-feira (15), no Estádio Independência, em Belo Horizonte-MG, o Peixe enfrenta o Atlético-MG pela partida de ida das oitavas de final. Embalado pela campanha realizada no início do Nacional por pontos corridos, o Alvinegro Praiano quer construir uma vantagem para o embate de volta do torneio eliminatório.

Vindo de uma vitória por 3 a 0 sobre o Vasco da Gama, pelo Brasileirão, o time treinado pelo técnico Jorge Sampaoli manteve a invencibilidade no Brasileirão (três vitórias e um empate), algo que deixou o plantel santista com a mente livre para focar na Copa do Brasil.

“Estamos focados, viramos a “chavinha”. Agora é Copa do Brasil, um mata-mata, que é diferente do Brasileiro. Por mais que tenhamos um clássico no sábado (Palmeiras), estamos focados, primeiramente, nessa quarta-feira para trazer um bom resultado para cá. Quinta-feira a gente pensa no Palmeiras, que será muito difícil também. Esperamos o confronto direto pra que a gente possa conquistar uma vitória e assumir a liderança isolada”, disse Jean Mota, que tem grande expectativa pelo primeiro duelo contro Atlético.

“A gente sabe que o primeiro jogo pode definir bastante, por mais que seja um jogo fora de casa. A gente vindo com um resultado favorável para a nossa casa, diante da nossa torcida, nos dará uma tranquilidade maior. Será um jogo difícil, o Atlético é um time que vem de uma derrota agora, mas vinha confiante no Brasileiro. Sabemos que lá dentro (Estádio Independência) é complicado de jogar, mas estamos nos preparando bem para surpreender”, ressaltou o artilheiro santista na temporada com nove gols.

Santos FC e Atlético-MG se enfrentaram na edição de 2010, ano em que o Alvinegro Praiano sagrou-se campeão. Na ocasião, o time de Vila Belmiro perdeu o primeiro embate por 3 a 2, no Mineirão, e venceu o segundo e decisivo duelo por 3 a 1, em casa.

O histórico deste confronto demonstra muito equilíbrio entre as equipes alvinegras. Em 96 jogos, o Peixe possui 35 vitórias contra 37 triunfos do clube mineiro. O Alvinegro Praiano balançou as redes em 140 oportunidades e sofreu 146 gols.

Nesta edição da Copa do Brasil, o Alvinegro Praiano estreou com uma goleada por 7 a 1 sobre o Altos-PI, venceu o América-RN por 4 a 0 na segunda fase e eliminou o Atlético-GO com uma derrota por 1 a 0, em Goiás, e um triunfo por 3 a 0, na Vila Mais Famosa. Na quarta fase, o time santista construiu uma vantagem de 2 a 0 contra o Vasco no primeiro desafio e foi derrotado por 2 a 1 no duelo de volta.

Foto: Ivan Storti/SantosFC