Memória: Calvet fazia a primeira partida pelo Peixe

No dia 24 de fevereiro de 1960, o gaúcho da cidade de Bagé, Raul Donazar Calvet, na época com 25 anos, fazia a primeira apresentação com a camisa do Santos FC. Foi na vitória pelo placar de 2 a 1 diante do Alianza de Lima, no Estádio Nacional de Lima, no Peru. Os autores dos gols do Peixe foram Dorval e Pepe e o Alvinegro entrou em campo com Laércio, Getúlio e Dalmo (Feijó); Urubatão, Formiga (Fiote) e Zito (Calvet); Dorval, Mário, Pagão (Ney), Pelé (Afonsinho) e Pepe. O técnico era Luiz Alonso Perez, o Lula. Calvet foi contratado junto ao Grêmio Porto Alegre para formar a zaga central ao lado de Mauro Ramos de Oliveira. Ele jogou no Alvinegro 217 partidas no período de 1960 a 1964, marcando apenas um gol com a camisa do time praiano. Pela Seleção Brasileira jogou, enquanto esteve na Vila Belmiro, 11 partidas. O clássico quarto-zagueiro iniciou sua trajetória no Guarani de Bagé, clube pelo qual foi eleito presidente depois que abandou o futebol.

Curiosidade

O pesquisador e fanático torcedor santista Wesley Miranda elegeu Calvet como o melhor quarto-zagueiro que o Santos já teve. Wesley relata que Calvet, logo após ter seu passe adquirido pelo Peixe, foi multado pela Federação Gaúcha de Futebol por ter faltado aos treinamentos contra a equipe do Farroupilha de Pelotas. Nesse período ele era o titular da Seleção Brasileira que participaria dos jogos pan-americanos. Calvet faleceu no dia 29 de março de 2008.

Guilherme Guarche – Coordenador do Centro de Memória e Estatística

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *