Integração entre futsal e base do Santos FC atrai visita de técnico da seleção francesa

Integração entre futsal e base do Santos FC atrai visita de técnico da seleção francesa

O Santos FC segue provando a cada dia que é um dos clubes mais admirados do planeta. Nesta terça-feira (11), o técnico da seleção francesa profissional de futsal, Pierre Jacky, visitou as dependências da Vila Belmiro e do CT Rei Pelé para conhecer o processo de integração entre o Futsal e a Base dos Meninos da Vila.

Para Jacky, o Santos FC é referência neste processo de integração entre as modalidades, visto que o número de jogadores de alta performance, que iniciaram no futsal do Peixe, transitaram pelas categorias de base do clube e hoje se destacam nos grandes centros futebolísticos. “Como treinador da seleção francesa de futsal, eu vim para entender como o brasileiro e o Santos fazem o futsal, além de como tratam essa transição para o futebol de campo. O Santos é o berço do futebol mundial pela grande quantidade de jogadores que revela. Foi aqui que começaram Pelé, Neymar, Robinho e agora o Rodrygo. Mas não é só por isso, mas também pela metodologia que desenvolveu e pela forma como trabalha”, comentou.

O treinador francês contou que os atuais bicampeões mundiais não possuem nenhum jogador revelado no futsal e que o processo de formação na França é forte, mas inicia apenas no Sub-14. “Se amanhã fizermos como o Santos faz, nós poderemos ser grandes no futsal e termos grandes jogadores na seleção de futebol. Não podemos nos contentar com o título mundial e nos acomodarmos. Por isso, uma das ideias é ter um futsal de base forte e passar essa técnica para os jogadores de campo”, finalizou Jacky.

A integração entre o Departamento de Futebol de Base e o Departamento de Futsal foi oficializada em 1º de março de 2018 pelo presidente José Carlos Peres e encabeçada pelo gerente do Departamento de Futebol de Base, Marco Antônio Maturana, e o Coordenador de Futsal, Rodrigo Neves, .

O gerente de base do Santos FC, Marco Antônio Maturana, acredita que essa metodologia de integração além de ser importante para o Santos FC também atrairá muito mais escolas do futebol mundial a conhecerem o processo utilizado pelo Peixe. “Eu fico feliz em saber que, mais uma vez, o Santos FC é referência não só no Brasil, mas também na Europa quanto a forma como trabalhamos em nossa transição. Recentemente o Felipe Sá, nosso técnico das categorias Sub-8, Sub-9 e Sub-10 foi convidado pela diretoria do Goiás Esporte Clube para palestrar sobre a integração do futsal com o campo. Hoje recebemos o técnico da Seleção Francesa de Futsal e isso prova que o trabalho que estamos realizando aqui tem chamado atenção”, disse Maturana.

O supervisor do futsal do Santos FC, José Alexandre, o Barata, um dos idealizadores do processo de integração, não tem dúvidas em afirmar que a presença da modalidade na formação de jogadores como Robinho, Neymar, Gabriel e Rodrygo foi o fator atrativo para a visita do técnico francês. “O futsal do Santos sempre esteve muito presente na formação dos jogadores de futebol. Todas as grandes vendas realizadas pelo clube nos últimos anos são de atletas que tiveram o futsal na formação. A torcida do Santos gosta de jogadores com características indispensáveis no futsal como dribles curtos, decisões rápidas, que jogam para frente, sem medo do marcador, e é claro com muita ousadia e alegria. Ao entendermos isso fortalecemos a nossa metodologia e investimos porque esse é o Santos FC que a torcida quer ver”, finalizou Barata.

(Texto: Maikon Camargo)