Fora de casa, Santos FC perde para o Cruzeiro mas segue na liderança do Brasileirão

Fora de casa, Santos FC perde para o Cruzeiro mas segue na liderança do Brasileirão

O Santos FC não somou pontos na 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. Na tarde deste domingo (18), no Mineirão, o Peixe perdeu para o Cruzeiro por 2 a 0 com gols de Fred e Thiago Neves. Apesar de sofrer a derrota, o Alvinegro Praiano segue na liderança isolada do nacional com 32 pontos.

O duelo começou de forma bem atípica para o time de Vila Belmiro. Logo aos três minutos de jogo, após cometer falta na entrada da grande área, Gustavo Henrique levou cartão vermelho após avaliação do árbitro de vídeo em um lance de falta sobre Pedro Rocha.

Com dez em campo, o Peixe se desdobrava na marcação e quando não conseguia o desarme, Everson defendia os chutes de longa distância, como nas batidas de Dodô e Thiago Neves. De tanto insistir, o Cruzeiro abriu o marcador com Fred aos 43 minutos.

Sem se abater, o Peixe tentava sair ao ataque com dribles de Soteldo. Em uma dessas ocasiões, o venezuelano sofreu falta na entrada da grande área. Na cobrança, Carlos Sánchez exigiu grande defesa de Fábio, que impediu o empate.

No segundo tempo, o Cruzeiro ampliou o placar logo no primeiro minuto com Thiago Neves. A partir daí, o Alvinegro Praiano tentou jogadas individuais com Sasha e Soteldo, o duelo terminou com vitória do mandante por 2 a 0.

A equipe santista volta a campo no próximo domingo (25) para encarar o Fortaleza. O duelo, válido pela 16ª rodada do Brasileirão, será realizado na Vila Belmiro, às 16 horas. Os ingressos já estão esgotados.

Cruzeiro 2 x 0 Santos FC
Local: Estádio Mineirão, em Belo Horizonte-MG
Árbitro: Anderson Daronco-RS (FIFA);
Auxiliares: Rafael da Silva Alves-RS e Elio Nepomuceno de Andrade Junior-RS;
Cartões amarelos: Fred e Thiago Neves (CRU);
Cartão vermelho: Gustavo Henrique (SFC);
Gols: Fred, aos 43 min do 1ºT e Thiago Neves, no 1º min do 2ºT (CRU).

Santos FC: Everson; Evandro (Pará) (Luiz Felipe), Gustavo Henrique, Lucas Veríssimo e Jorge; Diego Pituca, Carlos Sánchez (Alison) e Felipe Jonatan; Derlis González, Eduardo Sasha e Soteldo. Técnico: Jorge Sampaoli.

Cruzeiro: Fábio; Orejuela, Dedé (Cacá), Fabrício Bruno e Egídio (Fred); Henrique, Dodô, Thiago Neves e Marquinhos Gabriel; David (Robinho) e Pedro Rocha. Técnico: Rogério Ceni.

Foto: Ivan Storti/SantosFC