Fora de casa, Santos FC perde para Atlético-PR pelo Brasileirão

Fora de casa, Santos FC perde para Atlético-PR pelo Brasileirão

O Santos FC não somou pontos na oitava rodada do Campeonato Brasileiro. Na noite desta quinta-feira (31), na Arena da Baixada, em Curitiba-PR, o Peixe perdeu para o Atlético-PR por 2 a 0. Com este resultado, o Alvinegro Praiano permanece com seis pontos, na 18ª colocação.

A equipe santista começou a partida marcando firme o time paranaense e trabalhando a bola no campo do adversário. O primeiro lance de perigo foi do clube paulista, aos dez minutos, com David Braz. Após cobrança de escanteio, o zagueiro cabeceou e viu a bola passar rente à trave esquerda. Porém, quem saiu na frente foram os donos da casa. Aos 17 jogados, Thiago Heleno inaugurou o placar.

O Peixe não se abalou com o gol e seguiu buscando o empate durante todo o primeiro tempo. Pela esquerda, Rodrygo procurava espaços e tentava triangulações com Gabriel e Dodô.

No segundo tempo, o Alvinegro Praiano sufocou o Atlético nos primeiros minutos, porém o time curitibano ampliou o marcador aos 8 minutos, com Guilherme.

No decorrer da segunda etapa, o time santista tentava infiltrações na área atleticana e chutes de longa distância. Gabriel chegou até a aproveitar o rebote de um chute de Jean Mota, da entrada da área, porém o gol foi anulado devido à posição irregular do atacante e o duelo terminou com vitória paranaense.

Pela nona rodada do Campeonato Brasileiro, o Alvinegro Praiano volta a campo no domingo (3) para encarar o Vitória. A partida será realizada às 16 horas, na Vila Belmiro. Os ingressos seguem à venda.

Atlético-PR 2 x 0 Santos FC
Local: Arena da Baixada, Curitiba-PR, às 21 horas do dia 31/05/2018;
Árbitro: Savio Pereira Sampaio-DF;
Auxiliares: Daniel Henrique da Silva Andrade-DF e Ciro Chaban Junqueira-DF;
Cartões amarelos: Diego Pituca e Bruno Henrique (SFC); Thiago Carleto, Pablo (ATL);
Gols: Thiago Heleno, aos 17 do 1ºT, e Guilherme, aos 8 do 2ºT (ATL).

Santos FC: Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, David Braz e Dodô; Renato (Bruno Henrique), Diego Pituca (Léo Cittadini) e Jean Mota; Gabriel, Eduardo Sasha e Rodrygo (Yuri Alberto). Técnico: Jair Ventura.

Atlético-PR: Santos; Zé Ivaldo, Thiago Heleno e Wanderson; Matheus Rossetto, Camacho, Lucho González (Bruno Guimarães) e Thiago Carleto; Nikão (Bergson), Guilherme (Raphael Veiga) e Pablo. Técnico: Fernando Diniz.

Foto: Miguel Locatelli/Atlético-PR