Equipe B está em semana final de preparação para a Copa Paulista

Equipe B está em semana final de preparação para a Copa Paulista

Foram seis meses de muito trabalho para moldar a equipe B do Santos FC que iniciará sua caminhada na Copa Paulista neste sábado (1), contra o São Caetano, às 16h, no Estádio Anacleto Campanella. Esse período serviu para o técnico Kleiton Lima, junto com o departamento de futebol do Santos FC, buscar atletas promissores, que se destacaram na disputa dos estaduais 2017, avaliar e maturar os atletas que subiram do sub-20 e manter o nível de competitividade entre aqueles que já pertenciam a equipe B no ano passado.

“Tivemos um bom tempo de preparação no primeiro semestre. Moldamos a equipe nos treinos e amistosos. Demos maturidade para alguns meninos que vieram da base do Santos FC, porque boa parte do elenco veio das categorias menores de Clube. Eles terão a primeira experiência profissional junto ao Santos B, o que leva a um ganho maior de experiência e, agora sim, com o inicio da Copa Paulista, teremos uma medida avançada daquilo que eles vão enfrentar nas suas respectivas carreiras como atletas. Também trouxemos alguns nomes para o Santos B, e sempre que trazemos alguém, apostamos que esses atletas possam atingir um nível técnico de buscar um espaço na equipe principal. Foram jogadores jovens, que nós monitoramos durante o primeiro semestre”, declarou o técnico santista. Ao todo, cinco jogadores foram contratados após o término dos campeonatos estaduais: Rodolfo, Felipe Diadema, Diego Pituca, Igor Alan e Matheus Cassini.

Todo este trabalho, como Kleiton costuma lembrar faz parte de um projeto que visa abastecer a equipe principal do Santos FC com bons valores, como os casos de Vitor Bueno, Lucas Veríssimo, Ronaldo Mendes, Lucas Crsipim, Yan, Walterson, Matheus Nolasco, entre outros que já fizeram parte do elenco principal do Santos FC. Mesmo com este sendo o objetivo principal, o treinador santista entende que será importante um bom desempenho na competição estadual: “Vestimos a camisa do Santos FC e não podemos fugir dessa responsabilidade. Estamos trabalhando para lapidar alguns talentos e abastecer a equipe comandada pelo Levir Culpi. Mas, claro que vamos em busca de resultados consideráveis e satisfatórios na competição”.

Autor do gol que classificou o Santos FC para as oitavas de final da Libertadores e artilheiro da equipe na temporada , Vitor Bueno é um dos frutos da categoria

Durante os meses de preparação, a equipe B do Peixe disputou alguns jogos-treinos e amistosos. O saldo desses duelos foi positivo, o que indica que o trabalho tem perspectivas positivas até o término deste ano.

“Nas partidas que fizemos na temporada, além de bons resultados, tivemos um bom desempenho, o que nos motiva para seguirmos e melhorarmos ainda mais o nosso trabalho, até porque sabemos que a Copa Paulista é uma competição complicada, com equipes profissionais e vamos enfrentar atletas mais experientes que os nossos. Times que disputam as séries A1, A2 e A3 do Paulista. Muitas dessas com os mesmo elencos que disputaram o estadual no primeiro semestre e com pretensões de grandes, de chegar às finais, porque buscam retornar ao cenário nacional e a Copa Paulista os qualifica para competições como a Copa do Brasil e Brasileiro Série D”, analisou o treinador.

Na Copa Paulista, o Santos FC está no grupo 3, junto com Portuguesa Santista, São Caetano, Portuguesa, Juventus, Água Santa, Taubaté e Nacional. Os quatro primeiro colocados de cada chave avançam para a segunda fase da competição.