El Tigre no Santos

El Tigre no Santos

Guilherme Gomez Guarche, do Centro de Memória

Em 09 de fevereiro de 1930, um domingo, jogava pela primeira vez com a camisa do Santos FC aquele que é considerado o melhor jogador na época do futebol amador no Brasil: Arthur Friedenreich, El Tigre, na época já um veterano de 31 anos e meio.

O adversário daquela partida amistosa foi o Tucuman, vice-campeão da Argentina. O Santos, uma das melhores equipes brasileiras da época, jogou com Athiê, Aristides e Meira; Osvaldo, Júlio e Alfredo; Paulino, Camarão, Friedenreich, Feitiço e Evangelista.

Com um ataque arrasador, o Santos venceu por 4 a 1, com dois gols de Feitiço, um de Evangelista e um de Camarão. Rivarola marcou para o time argentino.

Além dessa partida, Friedenreich jogou mais quatro vezes pelo Alvinegro da Vila, todas elas na excursão ao Rio Grande do Sul, em 1935, e marcou um gol na vitória sobre o Grêmio por 3 a 2.

Habilidoso, com um estilo elegante e decisivo, Arthur Friedenreich foi o herói da Seleção Brasileira no título Sul-americano de 1919 e o astro da equipe do Paulistano que excursionou pela Europa em 1925. Paulistano, ele nasceu em 18 de junho de 1892 e faleceu, também em São Paulo, em 6 de setembro de 1969, aos 77 anos.