Conheça Emerson Ballio, o novo treinador do Sub-20 do Santos FC

Conheça Emerson Ballio, o novo treinador do Sub-20 do Santos FC

Zagueiro dos bons, peladeiro do bairro do Macuco, talentoso com os pés e com a prancheta na mão. Após uma longa história nas Categorias de Base do Santos Futebol Clube, Emerson Ballio de Matos, ou simplesmente Ballio, de 45 anos, chega hoje com a missão de levar o Sub-20 rumo ao tetracampeonato da próxima Copa São Paulo de Futebol Júnior. Menino da Vila nos anos 80, o comandante é ‘novo’ apenas na Categoria específica: Ballio é um dos mais queridos e principais responsáveis por gerir a brilhante fábrica de craques do Santos Futebol Clube.

Sua história no Peixe começou aos 15 anos, coincidentemente idade limite da Categoria de Base treinada por ele antes da promoção recente. Seu talento com a bola o credenciou a ser titular da equipe infantil do Santos FC em 1988. Apesar de ter sido um Menino da Vila de destaque na época, Emerson Ballio não seguiu carreira de jogador profissional, mas, anos mais tarde, concluiria o Bacharelado e Licenciatura em Educação Física pela Universidade Metropolitana de Santos (UNIMES), posteriormente fazendo pós-graduação em Aspectos e Treinamentos no Futebol, pela Universidade Gama Filho (UGF). Além dos cursos superiores, o treinador possui a Licenciatura B qualificada pela CBF Academy e é formado em Gestão Técnica no Futebol pela Universidade do Futebol.

Como treinador de futebol, Ballio chegou ao Santos FC em 2002 para treinar a equipe Sub-7 de futsal, migrando para o campo em 2009, quando assumiu a categoria Sub-11 após estagiar em 2006 com o ex-treinador Marcio Fernandes. Desde então, Emerson Ballio realizou a trajetória passando por todas as categorias de base do clube, do Sub-7 do futsal até o Sub-20 atual, do campo. Em 2014, como auxiliar técnico do treinador Pepinho, Ballio participou do grupo campeão da Copa São Paulo daquele ano. Atualmente, será a quarta vez que ele participará da competição, e sua primeira como técnico.

O treinador, que antes de assumir o novo desafio comandou o Sub-15 semifinalista do Paulista deste ano, é marcado por ter trabalhado na formação de grandes joias reveladas pelo Santos FC, tais como Neymar, Gabriel, Thiago Maia, Zeca, Daniel Guedes, entre outros.

Abaixo você confere uma entrevista exclusiva realizada pelo site oficial do Santos Futebol Clube com o novo comandante do Sub-20 alvinegro.

Santos FC: Ballio, dentre tantos desafios, são dezesseis anos como treinador das Categorias de Base do Santos FC. Conseguiu conquistar muitos títulos?

Emerson Ballio: É, conquistei alguns! Cheguei aqui em 2002 no futsal, onde treinei o Sub-7. Conquistamos praticamente todas as competições regionais, e fomos finalistas algumas vezes no estadual. No Sub-13 fui campeão paulista. Conquistamos também um torneio internacional na Espanha. No Sub-14, ganhamos outro torneio internacional no Japão. Já no Sub-15 fomos campeões da Copa do Brasil, e no Sub-20, como auxiliar, fui campeão da Copa São Paulo em 2014.

SFC: A Copa São Paulo de Futebol Júnior é considerada a maior competição da Base, principalmente pela característica de revelar grandes nomes. Foram muitos craques que já passaram por suas mãos?

EM: São praticamente quase duas décadas que eu estou aqui, então graças a Deus tive o grande privilégio de trabalhar com bons jogadores. Eu particularmente tomo muito cuidado quando falo sobre isso, até porque não fui o único treinador que eles tiveram. Tive sim uma participação na formação deles, mas prefiro dizer que o grande responsável foi o Santos FC.

SFC: Quais os principais nomes que você participou da formação?

EM: Trabalhei com o Neymar, Gabriel, Thiago Maia, Felipe Anderson, Zeca, todos esses revelados pelo Santos FC que foram campeões olímpicos em 2016 no Rio. No elenco atual do Santos FC, trabalhei com Daniel Guedes, Gustavo Henrique, Diego Cardoso, Lucas Otávio, alguns que saíram recentemente como Robson Bambu, Lucas Crispim, Neilton, Caio Henrique, Paulo Ricardo, Igor, André Luiz, enfim. São muitos jogadores, eu fico um pouco receoso em falar sobre isso porque quando um jogador passa pela Base, não é apenas um treinador que trabalha com eles.

SFC: E como está a preparação para a Copinha?

EM: Bem interessante. Por mais que eu tenha assumido recentemente, alguns jogadores já trabalharam comigo, e isso facilita bastante. O Leandro deixou um trabalho interessante, que estamos dando continuidade. Estamos tendo uma atenção mais no aspecto emocional dos jogadores que é muito importante, para que a gente possa superar os problemas que aconteceram.

O Peixe está no Grupo 25 da Copinha, ao lado de São Caetano (SP), Sergipe (SE) e o anfitrião da sede União FC (SP). Os Meninos da Vila estreiam na competição no dia 4 de janeiro de 2019, às 19h, contra o Sergipe (SP), em Mogi das Cruzes. Sob comando do técnico Ballio, a equipe treinou nesta quinta-feira (27), às 16h30, no CT Rei Pelé, onde segue se preparando para a competição.

Confira os jogos do Santos FC na primeira fase da Copa São Paulo:

Dia 4 de janeiro de 2019, às 19h – Santos FC x Sergipe (SE)

Dia 7 de janeiro de 2019, às 20h – São Caetano (SP) x Santos FC

Dia 10 de janeiro de 2019, às 19h45 – União (SP) x Santos FC

(Texto: Maikon Camargo / Foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo)