Com a participação de mais de mil sócios, Assembleia Geral Extraordinária foi realizada neste domingo (22)

Com a participação de mais de mil sócios, Assembleia Geral Extraordinária foi realizada neste domingo (22)

Em votação realizada neste domingo (22), em Assembleia Geral Extraordinária, no Ginásio Athie Jorge Cury, no Estádio Urbano Caldeira, na Vila Belmiro, referente ao parecer da Comissão de Inquérito e Sindicância sobre o processo nº 05/20-CI, aprovado pelo Conselho Deliberativo em 05/11/2020, os sócios do Santos FC escolheram pelo impedimento do Presidente do Comitê de Gestão, José Carlos Peres. Foram 1.078 associados que votaram, sendo 1.005 a favor do parecer, 69 contra, dois votos brancos e dois votos nulos.

O pleito teve início às 10 horas e terminou às 18 horas, com a apuração logo na sequência e todos os protocolos de segurança foram respeitados. “O balanço foi muito positivo. Nós tivemos uma presença muito importante dos associados, diante de um quadro de pandemia mundial. Temos que comemorar e agradecer a participação do sócio. Foi um resultado inquestionável diante da vontade democrática do associado. Temos mais uma vez que ratificar a transparência e a ótima organização de todos os setores do Clube“, afirmou Marcelo Teixeira, presidente do Conselho Deliberativo.

Após a apuração dos votos, Orlando Rollo, que estava em exercício, foi empossado como presidente do Santos FC. “Agora temos mais trabalho pela frente, com a nossa administração legitimada. O mercado volta a se abrir para o Santos Futebol Clube. Ninguém queria fazer negócio com o Clube. Vamos renegociar dívidas, conversar com eventuais patrocinadores, para que a gente possa ajudar o próximo presidente, que será eleito no dia 12 de dezembro”.

(Fotos: Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC)