Baptistão destaca semana livre para treinos no Santos FC e comemora Vila lotada: “Importantíssima”


O Santos FC está pronto para o duelo diante do Flamengo neste sábado (2), às 19h, na Vila Belmiro, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. O técnico Fabián Bustos comandou na manhã desta sexta-feira (1), no CT Rei Pelé, o primeiro e último treino antes da partida. Após o empate em 1 a 1 com o Deportivo Táchira, na Venezuela, pelas oitavas da Conmebol Sul-Americana, a delegação do Peixe retornou para Santos após 14 horas de viagem nesta quinta-feira (30), entre viagem de ônibus e avião.

Mesmo desgastados por conta do longo caminho percorrido, os atletas que atuaram pela competição continental na Venezuela fizeram trabalho leve no gramado nesta sexta. Suspenso diante do Táchira, Léo Baptistão foi um dos dez desfalques do Peixe no duelo e destacou a semana livre para trabalhar no CT Rei Pelé. 

“Com certeza foi uma semana importante. Eu estava suspenso, então tive esse tempo para me preparar fisicamente e mentalmente para chegar bem diante do Flamengo, pois vai ser um jogo bem complicado. Quem ficou treinando no CT fez uma semana muito boa de trabalho e quem voltou de viagem já está recuperado, então vamos para cima e buscar fazer um grande jogo”, afirmou o camisa 92.

Para a partida contra o Flamengo, o Santos FC terá casa cheia, afinal, todos os ingressos foram esgotados pela torcida. Baptistão comemorou o apoio da nação santista. Além disso, o atacante também rechaçou qualquer tipo de vantagem do Peixe na partida por conta do surto de Covid-19 na equipe carioca, que teve sete atletas positivados durante a semana.

“A Vila lotada com a nossa torcida é importantíssima. Com certeza lá dentro a gente joga mais leve e vamos para cima do adversário. Sabemos que vai ser difícil e temos muito respeito ao Flamengo, mas somos o Santos FC e queremos subir na tabela. Sobre a Covid, sinceramente, a gente nem está pensando em quem vai jogar ou não do lado de lá. Estamos preparados para fazer o melhor jogo possível independentemente de quem jogue no Flamengo”, concluiu.

(Foto: Ivan Storti/ Santos FC)