Memória: Pelé marcava gol de placa no Maracanã

No dia 05 de março de 1961, em partida do Torneio Rio-São Paulo, o Rei Pelé marca um gol que mereceu uma placa no Estádio do Maracanã, na vitória do Santos FC por 3 a 1 diante do Fluminense em jogada toda pessoal, de característica peculiar e que fez vibrar o público presente ao famoso estádio brasileiro.

Pelé, recebeu a bola a poucos metros além da linha do meio-campo, aplicou a 1ª finta num jogador do Fluminense, investindo rapidamente, foi progredindo superando um e outro adversário, com dribles rápidos até entrar na área, e ao perceber a saída de Castilho, o avante santista golpeou com muita classe no canto direito e marcou um bonito e memorável gol.

A sugestão de colocar a placa no Maracanã em homenagem ao belo gol foi sugestão do jornalista Joelmir Beting. O Rei Pelé, além desse maravilhoso gol, marcou mais dois e Pepe marcou o outro na partida em que o Peixe entrou em campo com Laércio; Fioti, Mauro, Dalmo e Calvet; Zito e Mengálvio (Ney); Dorval, Coutinho, Pelé e Pepe (Sormani). O técnico era Luiz Alonso Perez, o Lula.

Curiosidade

Na partida anterior ao jogo do “gol de placa” o time santista venceu pelo placar de 5 a 1 a equipe do Vasco Gama no Pacaembu e no jogo posterior aplicou uma goleada de 7 a 1 sobre o time do Flamengo, novamente no Maracanã. Todas goleadas válidas pelo Torneio Rio-São Paulo. O goleiro do time carioca no jogo do “gol de placa” era Carlos Castilho que, em 1984, como técnico do Santos sagrava-se Campeão Paulista.

Guilherme Guarche – Coordenador do Centro de Memória e Estatística

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *