Pelé 75 anos: Atletas do Santos FC desejam feliz aniversário ao Rei Pelé

Pelé 75 anos: Atletas do Santos FC desejam feliz aniversário ao Rei Pelé

Vestir uma camisa do Santos FC e não lembrar de Pelé é impossível. Vivendo isso diariamente, os atletas do Peixe se sentem honrados por jogar no mesmo Clube em que o Rei do futebol jogou. Parabenizando o Ídolo Eterno do Alvinegro Praiano, o plantel santista não economizou nos elogios e votos de felicidades para o maior jogador que o Peixe já teve.

Atleta mais velho do elenco, com 36 anos, o volante Renato afirma que se sente muito feliz em vestir a camisa que seu ídolo no futebol também vestiu.

“O Pelé é um ícone do futebol mundial. Não conseguiu o título de Rei por acaso. Ele foi completo como atleta e preenche todas as lacunas. Fez gols com ambas as pernas e de cabeça. Era habilidoso, veloz e driblador. Me sinto muito feliz em defender o Santos FC por ele ter jogado aqui e por ser meu time de coração. Isso é especial e único. Quero desejar muita felicidade e saúde a ele”, disse o camisa 8.

Além de ser um ícone, Pelé também é o maior ídolo brasileiro, na visão de Ricardo Oliveira. Segundo o capitão do time santista, o Rei do Futebol é referência quando o Brasil é citado em qualquer lugar do planeta.

“O Pelé é o ídolo máximo da nossa nação. Toda vez que se fala de Brasil, fora do país, as pessoas falam do Pelé. É uma figura mundial e querida por todos. É um privilégio jogar onde ele jogou. Qualquer êxito que tenhamos, coletivo ou individual, nunca vai se comparar com tudo o que ele obteve. Desejo muita saúde, felicidade e que ele possa seguir sendo este representante brasileiro mundo afora”, comentou Oliveira.

Menino da Vila, santista e atual dono da camisa 10, Gabriel revela que já ficou emocionado ao ver Pelé. Para o atacante, o maior Atleta do Século é um espelho para sua carreira.

“Procuro não ficar pensando muito que uso a 10 do Pelé. Não penso tanto porque não existe nenhuma comparação possível. Ninguém vai usar a 10 como ele. Estive uma vez com o Pelé e fiquei muito emocionado. Foi especial. Ele é um astro e espelho para todo o mundo. Jogar no Santos, com a camisa dele, é um sonho realizado. Desejo muita paz e saúde. Que Deus o abençoe e ele continue sendo essa pessoa humilde e muito boa”, ressaltou.