Fabián Noguera valoriza “oportunidade muito importante”: volta ao time titular e sonho de Libertadores

Fabián Noguera valoriza “oportunidade muito importante”: volta ao time titular e sonho de Libertadores

Substituto do zagueiro Lucas Veríssimo, suspenso por levar o terceiro cartão amarelo na última rodada, o zagueiro Fabián Noguera será titular neste domingo (26) diante do Flamengo. Com nove jogos nesta temporada e 17 no total com a camisa do Santos FC, o defensor comemora a titularidade contra a equipe carioca e ressalta importância da vitória para garantir a vaga direta para a fase de grupos da Libertadores 2018.

“É uma oportunidade muito importante para eu voltar a jogar depois de tanto tempo. Mas estou tranquilo, temos que ganhar o jogo para alcançar a liderança. Também sabemos que com um ponto estaremos classificados para a fase de grupos da Libertadores, mas queremos vencer para tirar a diferença para Grêmio e Palmeiras e terminar o campeonato da melhor maneira possível”, disse o argentino, que entrou em campo pela última vez na derrota por 1 a 0 para o Barcelona-EC, pelas quartas de final da Libertadores, no dia 20 de setembro.

O Alvinegro Praiano venceu os dois últimos duelos contra o Flamengo por 4 a 2 (Copa do Brasil) e 3 a 2 (Brasileiro). Mesmo sem ter atuado nestes desafios, Noguera recorda da boa atuação do time santista e demonstra muita confiança para este compromisso da penúltima rodada do Campeonato Brasileiro.

“O Flamengo é um time muio difícil, tem qualidade nos jogadores. Mas nos dois últimos jogos que vencemos deles fizemos um trabalho ótimo e dá parar repetir isso, dá para ganhar. Lá tem a torcida contra, vários fatores contra, mas nosso time está bem e pode trazer um grande resultado. Temos que estar atentos nas linhas, precisamos de muita atenção”, comentou o zagueiro, que já marcou dois gols com a camisa santista.

Santos FC e Flamengo se enfrentam às 19 horas deste domingo (26), na Ilha do Urubu, no Rio de Janeiro-RJ. O Peixe leva a melhor no histórico do confronto, no total de 121 jogos, com 45 vitórias, 34 empates e 42 vitórias, com 181 gols marcados e 164 sofridos.

Foto: Ivan Storti/SantosFC