Em Diadema, times Infantil e Juvenil estreiam no Campeonato Paulista diante do Água Santa

Em Diadema, times Infantil e Juvenil estreiam no Campeonato Paulista diante do Água Santa

As categorias Sub-15 e Sub-17 do Santos FC estreiam no Campeonato Paulista na manhã deste sábado (16) diante do Água Santa. Por terem 11 times em suas chaves, as equipes do Peixe entram em campo pela primeira vez no estadual somente nessa segunda rodada. Os duelos serão realizados no Estádio Distrital Piraporinha, em Diadema.

Com jogo marcado para as 9 horas, o time Infantil está pronto para o primeiro embate. À frente dos trabalhos, o técnico Luciano Santos afirma que os garotos santistas estão bem conscientes do que precisam fazer neste primeiro jogo.

“O nosso grupo está ansioso pela estreia. Os meninos estão treinando forte e querem fazer uma boa campanha. Conversamos muito sobre este jogo e eles assimilaram bem as nossas orientações. O campo deste jogo é pequeno, duro e tem uma grande pressão da torcida. Precisamos nos adaptar logo nos primeiros minutos e encaixar bem as nossas linhas. Só assim chegaremos ao gol adversário”, disse Luciano.

Atual vice-campeão, o Sub-15 somou 22 vitórias, sete empates e apenas três derrotas na campanha do ano passado. Somente 16 gols foram sofridos e 80 marcados.

Logo na sequência, às 10h45, a equipe Juvenil entra em campo para o seu duelo. Disputando simultaneamente a Copa do Brasil Sub-17, o time treinado pelo técnico Aarão Alves realiza este primeiro jogo com um time diferente do que vem atuando no campeonato nacional.

“Viemos de uma viagem cansativa e um jogo pesado contra o Internacional no Rio Grande do Sul. O tempo de recuperação é muito curto. Com a partida de volta das oitavas de final marcada para terça-feira (19), decidimos dar oportunidade para outros atletas iniciarem o Paulista. Além disso, queremos o elenco todo pronto, com ritmo de jogo, para futuras partidas”, disse o treinador.

Também atual vice-campeão, o Sub-17 conquistou 21 vitórias, seis empates e sofreu cinco derrotas na última edição do estadual. Além destes números, 85 gols foram marcados e somente 30 sofridos.