Elano recorda goleada sobre Paysandu e pede forte marcação na estreia da Copa do Brasil

Elano recorda goleada sobre Paysandu e pede forte marcação na estreia da Copa do Brasil

Foto: Ivan Storti/SantosFC

Santos FC e Paysandu (PA) se enfrentam às 19h30 desta quarta-feira (25), na Vila Belmiro, pela primeira partida das oitavas de final da Copa do Brasil. A última vez em que ambas as equipes se enfrentaram no Estádio Urbano Caldeira foi no dia 1 de agosto de 2004, pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro. Presente naquela ocasião, Elano, hoje auxiliar técnico, marcou um gol e ajudou o Peixe na vitória por 6 a 0.

“Nosso time era bem mais jovem do que o do Paysandu (PA), que era experiente. Eles nos deram muita dificuldade, jogavam bem, mas naquela noite fomos muito felizes no resultado”, disse o ex-atleta, que entrou em campo com o seguinte time santista: Tápia; Flávio, Domingos, Ávalos e Léo (Márcio); Bóvio (Basílio), Fabinho, Ricardinho e Elano (Marcinho); Robinho e Deivid. O técnico era Vanderlei Luxemburgo.

Com expectativa de um difícil duelo diante da equipe paraense, na estreia do Alvinegro Praiano na competição nacional, Elano pede cuidado ao elenco santista para que não leve nenhum gol na Vila Belmiro.

“Levar um gol em casa conta muito, principalmente se tratando sobre Copa do Brasil. É prejudicial demais. Temos que jogar para frente, buscando o gol deles (Paysandu), que é a nossa característica. Mas precisamos nos preocupar para não levarmos gols. Teremos dois jogos bem disputados, mas acredito que temos de tudo para ter uma grande atuação dentro da Vila Belmiro”, comentou.

Este será o primeiro embate entre Santos FC e Paysandu em Copas do Brasil. No geral, Peixe e Papão se enfrentaram 18 vezes. O Peixe soma 14 vitórias, dois empates e duas derrotas, com 48 gols marcados e 15 sofridos.