Na Vila Belmiro, Santos FC perde para o Flamengo

Na Vila Belmiro, Santos FC perde para o Flamengo

Na noite deste sábado (28), o Santos FC perdeu para o Flamengo na Vila Belmiro, em jogo pelo Campeonato Brasileiro.

O Peixe só volta a campo no próximo sábado (4), diante do Cuiabá, às 21h00, na Arena Pantanal, em jogo válido pela última rodada do 1º turno do Campeonato Brasileiro.

O jogo
A partida começou muito disputada, e aos 13 minutos, o Santos FC teve sua primeira chance de gol. Gabriel Pirani ganha da marcação e carrega até a entrada da área e chuta forte, mas a bola passa por cima do gol.

Quatro minutos depois, foi a vez de João Paulo entrar em ação. Em trama do ataque do Flamengo, Gabriel bateu na pequena área, e à queima-roupa, o arqueiro do Peixe fez uma excelente defesa.

Aos 25 minutos, o time santista assustou de novo, novamente com Gabriel Pirani. O Menino da Vila chegou na entrada da área e pegou firme na bola. A zaga desviou, e o Peixe ficou com o escanteio.

O goleiro santista apareceu mais uma vez bem aos 35 minutos, em falta cobrada por Diego, na entrada da área. Ele se esticou todo para fazer uma linda defesa.

Restando cinco minutos para o fim do tempo regulamentar, Marcos Leonardo recebeu de costas para o gol, com dois zagueiros em sua marcação. O atacante santista fez o papel de pivô, e se livrou dos dois marcadores com um lindo toque na bola. Ao ficar de frente para o gol, ele arriscou, e a bola desviou na zaga e correu para a linha de fundo.

Na segunda etapa o Santos FC não voltou bem, e acabou perdendo o jogo.

Ficha Técnica:
Santos FC 0 x 4 CR Flamengo

Data: 28/08/2021
Horário: 19h00
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Árbitro: Bráulio da Silva Machado
Assistentes: Bruno Boschilia e Nailton Junior de Sousa Oliveira
Cartões amarelos: Carlos Sánchez, Felipe Jonatan e Robson Reis (SFC); Isla, Bruno Viana, Gustavo Henrique e Diego (CRF)
SFC: João Paulo; Madson, Robson Reis, Wagner Leonardo e Felipe Jonatan; Camacho, Jean Mota (Ivonei), Carlos Sanchéz (Luiz Henrique) e Gabriel Pirani; Lucas Braga (Marcos Guilherme) e Marcos Leonardo. Técnico: Fernando Diniz
CRF: Diego Alves; Isla (Matheuzinho), Gustavo Henrique, Bruno Viana e Filipe Luís; Willian Arão, Diego (Thiago Maia), Everton Ribeiro (Andreas Pereira) e De Arrascaeta (Vitinho); Michael e Gabriel (Pedro). Técnico: Renato Gaúcho