Santos FC faz acordo e reduz patrocínio para time de basquete em mais de 90%

Santos FC faz acordo e reduz patrocínio para time de basquete em mais de 90%

Numa negociação comandada diretamente pelo presidente Andres Rueda, o Santos FC conseguiu reduzir em mais de 90% o valor de patrocínio para o time no Novo Basquete Brasil (NBB). Em conversas com o CEO da Associação Ponto Positivo, do ex-jogador Jamelli, o mandatário do Santos manteve a equipe renegociando o que estava estabelecido anteriormente e o acordo reforça as ações de reestruturação financeira do Clube.

Dos R$ 4 milhões por ano acertados no contrato firmado em novembro de 2020, ficou definida a redução para R$ 340 mil a cada temporada, divididos em três parcelas. Ou seja, o Clube terá de pagar apenas 8,5% do valor anterior.

“Foi uma ampla negociação em prol do Clube, sem vazamentos de informações. Conseguimos chegar a um valor que o Santos pode assumir para ter uma modalidade olímpica num dos principais e mais bem organizados torneios do Brasil. O Jamelli teve a sensibilidade de entender e atender o que o Clube propôs”, afirmou Rueda.

Ainda no acordo, Santos e Associação Ponto Positivo decidiram fazer o máximo esforço para buscarem patrocinadores e chegar aos R$ 4 milhões. Caso contrário, o Santos não ingressará na NBB. Ficou estabelecido, também, que se conseguirem valor além dos R$ 4 milhões do projeto, o pagamento feito pelo Clube será devolvido.

“Numa parceria, temos de ter esforços das duas partes. O Santos, com certeza, fará sua parte, estará empenhado e a Associação Ponto Positivo também. Agora é torcer para o Santos fazer bonito nas quadras em busca de muitas cestas”, finalizou Rueda.