Neste domingo (15), Sereias da Vila voltam a campo pelo Brasileirão Feminino, para confronto de ida das quartas de final

Neste domingo (15), Sereias da Vila voltam a campo pelo Brasileirão Feminino, para confronto de ida das quartas de final

Depois de quase dois meses de espera, as Sereias da Vila voltam a campo pelo Campeonato Brasileiro Feminino. Às 16 horas deste domingo (15), Santos FC e Ferroviária se enfrentam na Fonte Luminosa, em Araraquara (SP), pela partida de ida das quartas de final da competição nacional. A partida terá transmissão ao vivo do perfil do TikTok do Brasileirão Feminino (@brfeminino).

No banco de reservas, o Alvinegro Praiano terá a estreia de Tatiele Silveira em Campeonatos Brasileiros. Em 2019, comandando as adversárias de Araraquara, a treinadora tornou-se a primeira e única mulher de sua função a conquistar o Brasileirão Feminino. Depois de estrear pelo Santos com goleada de 4 a 1 sobre a Portuguesa, no Campeonato Paulista, Tatiele falou sobre o confronto de decisão e apostou no novo trabalho para conquistar o resultado positivo.

“Nós estamos muito focadas, com nosso objetivo muito bem traçado. Foi legal essa estreia com vitória, foi legal para o grupo, também, voltar a jogar junto. Realmente conseguimos enxergar algumas coisas do nosso treino, da nossa visão, do modelo que a gente quer atingir dentro do jogo. Agora vamos corrigir alguns detalhes que vimos na estreia do Paulista, mas que sirva de aprendizado para o Campeonato Brasileiro e que a gente possa ir realmente muito forte, muito forte para o jogo de Araraquara. Respeitamos muito a equipe da Ferroviária, pela história que tem, mas nós queremos também nos impor nesse primeiro jogo decisivo. Mesmo fora de casa, estamos otimistas com o resultado positivo”, disse Tatiele.

Com o confronto definido desde o dia 24 de julho, Tatiele contou como trabalhou a ansiedade de suas jogadoras para a partida decisiva e resgatou o recente contexto de rivalidade com a Ferroviária para escrever uma nova história nesta edição do Brasileirão Feminino.

“Com certeza a ansiedade faz parte da preparação. Eu falo pras meninas, o ‘friozinho na barriga’ tem que acontecer, é um sentimento bom. É um jogo importante, uma fase importante da competição, mas é uma nova história. Nós temos um novo elenco, um novo grupo, uma nova treinadora, novos comportamentos e é isso que estamos levando para as meninas. Acho que esse contexto histórico alimenta essa rivalidade boa, de um clássico. Mas nessa fase do Campeonato Brasileiro vai ser sempre assim, jogos decisivos e clássicos do futebol feminino. O que a gente quer é entender a história, mas criar a nossa daqui pra frente”, declarou a treinadora das Sereias da Vila.

(Texto: Tiago Maestre (Estagiário) com supervisão de Fábio Maradei (Gerente de Comunicação) e Foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC)