Lucas Braga revela história sobre visita a La Bombonera em 2019 e diz: “As coisas mudam muito rápido”

Lucas Braga revela história sobre visita a La Bombonera em 2019 e diz: “As coisas mudam muito rápido”

Um dos destaques do Santos FC nas partidas válidas pela semifinal da Conmebol Libertadores, contra o Boca Juniors, o atacante Lucas Braga vive um ano mágico em sua carreira. Após iniciar a temporada 2020 emprestado para a Inter de Limeira, o jogador se destacou, voltou ao Peixe, seu time de coração, e se tornou peça importante no esquema do técnico Cuca. Há pouco mais de um ano, no entanto, o cenário vivido atualmente pelo jogador era bem diferente.

De férias com a esposa, Lucas Braga viajou para a Argentina em dezembro de 2019 e fez um tour pelo estádio La Bombonera. Dentro da casa do time argentino, o jogador tirou uma foto com um pôster de Tevez, atacante que jogou os dois jogos da semifinal diante do Santos FC. Naquele momento, os acontecimentos de janeiro de 2021 eram praticamente inimagináveis. O atacante santista não só se deparou com o próprio Tevez dentro de campo, como foi figura fundamental para a vitória por 3 a 0 no agregado das duas partidas e consequente classificação para a grande final da Conmebol Libertadores.

“A gente estava visitando La Bombonera, de férias, e encontramos um pôster do Tevez. Fizemos uma selfie para deixar registrado. E pouco mais de um ano depois, eu estava na fila para entrar em campo e o Tevez estava ao meu lado. As coisas mudam muito rápido. A ficha ainda não caiu, nem disso nem de nada do que eu tenho vivido no Santos FC nos últimos meses. Parece um sonho”, afirmou o jogador.

Mesmo distante naquele momento, a esposa do jogador acreditou que ele poderia estar disputando grandes jogos em pouco tempo. “Em La Bombonera, minha esposa falou que um dia eu iria jogar lá. Falei ‘amor, você não sabe onde a gente tá, né? Só vou jogar aqui um dia se jogar uma Libertadores’, e eu ia jogar o Paulista pela Inter de Limeira na semana seguinte. Mas ela falou para eu ficar tranquilo e que um dia eu jogaria lá. Tudo aconteceu muito mais rápido do que eu esperava, tudo nas mãos de Deus”, disse.