Felipe Jonatan vê disputa sadia com Moraes e não quer Santos FC apostando na vantagem contra Independiente

Felipe Jonatan vê disputa sadia com Moraes e não quer Santos FC apostando na vantagem contra Independiente

Felipe Jonatan voltou em grande estilo ao Santos FC. Após sofrer lesão de grau 1 na coxa direita no início do mês, o atleta viu o companheiro Moraes crescer e ganhar sequência de quatro jogos como titular na lateral esquerda. No último domingo (18), porém, o camisa 3 entrou no fim do primeiro tempo contra o Red Bull Bragantino e fez o cruzamento nos dois lances que terminaram nos gols do Peixe no empate em 2 a 2 no estádio Nabi Abi Chedid, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O lateral vê como positiva para o Alvinegro Praiano a disputa pela titularidade com Moraes, que acabou sentindo uma lesão de grau 1 na coxa esquerda durante o duelo do último domingo em Bragança Paulista.

“Feliz de retornar bem após esse período fora e participar dos lances dos gols. Cada dia que passa estou conseguindo ter um pouco mais de confiança. Espero estar ajudando o grupo de alguma forma. Temos uma disputa sadia na lateral esquerda comigo e com o Moraes, assim como em outras posições, o que é natural. Toda equipe grande precisa ter essas disputas, pois quem tem a ganhar é o Santos FC”, afirmou Felipe Jonatan.

Após a igualdade com o Red Bull Bragantino, o Santos FC agora vai encarar o Independiente nesta quinta-feira (22), às 19h15, no estádio Libertadores de América, na Argentina, no confronto de volta das oitavas de final da Conmebol Sul-Americana.

No duelo de ida, o Peixe venceu por 1 a 0 na semana passada, na Vila Belmiro. Por conta disso, os comandados de Fernando Diniz precisam apenas de um empate para garantirem a classificação. Apesar disso, Felipe Jonatan quer ver a equipe buscando a vitória desde o início em Avellaneda.

“Nossa equipe mostrou poder de reação no segundo tempo em Bragança e buscamos o empate no fim. Porém, agora é mudar a chavinha porque tem a Sul-Americana. O Independiente é muito tradicional na Argentina, então vai ser um grande jogo. Temos uma vantagem mínima, mas não podemos jogar com ela embaixo do braço. Vamos entrar para fazer o nosso jogo, buscar a vitória e trazer essa classificação para Santos”, concluiu o camisa 3.

(Foto: Ivan Storti/ Santos FC)