Sub-20 empata com Sport e se despede do Campeonato Brasileiro

Sub-20 empata com Sport e se despede do Campeonato Brasileiro

Foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo/SantosFC

A categoria de juniores do Santos FC está eliminada do Campeonato Brasileiro Sub-20. Na noite desta quinta-feira (3), em Caruaru (PE), o Peixe empatou com o Sport em 1 a 1 pela última rodada da primeira fase. Com este resultado, o Alvinegro Praiano chegou aos cinco pontos e se despediu do Nacional na quarta posição do Grupo A.

Somente a vitória interessava ao Santos FC, já que a equipe santista estava atrás de Botafogo e Internacional e ainda dependia de um empate deste duelo. O único gol do Peixe foi marcado pelo atacante Higor, aos 16 minutos da etapa inicial. João Erick, aos 33 minutos do primeiro tempo, anotou o tento dos donos da casa.

Após a partida, o auxiliar técnico André Alves analisou a última partida dos Meninos da Vila no Brasileirão. “Desde o início da partida nós fomos superiores ao adversário. Logo aos 5 minutos perdemos uma grande oportunidade e seguimos pressionando. Marcamos um gol, mas fomos prejudicados pela arbitragem. Tivemos três pênaltis não marcados. Mas saímos da competição de cabeça erguida, apesar dos desfalques, nossos garotos deram o máximo e estão de parabéns”.

O próximo compromisso do Sub-20 santista será diante do São Caetano, pelo Campeonato Paulista. A partida, válida pela 12ª rodada do Estadual, ocorre às 15 horas deste domingo (6), no Estádio Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul. A entrada é gratuita.

Sport 1 x 1 Santos FC
Local: Estádio Luiz Lacerda, às 17 horas doa 03 de agosto de 2017;
Árbitro: Wagner Cabral Miranda – PE;
Auxiliares: Gilberto Freire de Farias – PE e Marlon Rafael Gomes de Oliveira – PE;
Cartões amarelos: Matheus Oliveira e Daniel (SFC); João Victor e Pedro Henryque (SPO);
Cartão vermelho: Fernando Castro (SFC);
Gols: Higor, aos 16 do 1ºT (SFC); João Erick, aos 33 do 2ºT (SPO).

Santos FC: Fernando Castro; Lucas, Robson Bambu, Gabriel Casanova e Rhuan; Gabriel Calabres (Daniel), Maxuel (Richardo Luca), Alessandro e Matheus Oliveira; Higor (Arthur Bote) e Luis Vinícius. Técnico: André Alves.

Sport: Lucas, Elias, Izael, Chico e Caio; João Victor, João Erick, Leandro e Brendo; Índio e Douglas. Técnico: Jose da Camara Vieira Junior.