Seguro do primeiro ao último minuto, Santos FC vence Atlético-PR por 2 a 0 em Curitiba

O Santos FC teve, na noite deste domingo (11), uma das suas atuações mais seguras na temporada 2017, ao superar o Atlético-PR, por 2 a 0, na Arena da Baixada, em Curitiba, pela 6ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os gols do jogo foram marcados pelo atacante Kayke.

Com o resultado, o Peixe alcançou sua segunda vitória consecutiva no Brasileirão e está na décima colocação, com nove pontos ganhos, apenas um atrás da Chapecoense, quarta colocada da competição.

Kayke foi o nome do jogo na Arena da Baixada (Reprodução: Sportv)

O jogo

Logo nos minutos iniciais o Santos FC mostrou mais tranquilidade que a equipe mandante, criando boas oportunidades e tendo o domínio da partida, sem sofrer grandes riscos. Isso até os 13, quando o Atlético chegou com perigo pela primeira vez, em uma finalização de Lucho Gonzales, de fora da área. Mas, aos 26, o Peixe foi cirúrgico. Bruno Henrique escapou pela direita, esticou a bola para o volante Thiago Maia, que encontrou Kayke, livre na entrada da pequena área abrir o placar. Na sequência, aos 35, novamente Bruno Henrique foi importante. Em nova arrancada, agora pelo setor esquerdo, o atacante encontrou Kayke. De primeira, o camisa 11 marcou seu segundo gol na partida.

No final da primeira etapa, o Atlético esboçou uma pressão ofensiva, mas esbarrou na defesa do Santos FC. Quando a bola passava pelos zagueiros santistas, Vanderlei, sempre seguro, fez boas intervenções.

Na etapa complementar, o Peixe se manteve seguro e, com tranquilidade, assegurou a vitória sem sofrer grandes sustos. Nos minutos finais, o árbitro ainda expulsou o lateral direito Daniel Guedes, que estava fazendo uma ótima partida. Com isso, o camisa 38 está suspenso para o clássico da próxima quarta-feira (14), contra o Palmeiras, na Vila Belmiro, no jogo que marcará a estreia do técnico Levir Culpi no comando do Santos FC.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-PR X SANTOS
Estádio: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)
Data: 11 de junho de 2017, domingo, às 19h
Gols: Kayke, aos 26 e 35 do primeiro tempo
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Assistentes: Dibert Pedrosa Moises (RJ) e Michael Correia (RJ)

ATLÉTICO-PR: Weverton; Jonathan, Paulo André, Thiago Heleno e Sidcley; Otávio, Deivid e Matheus Rossetto (Ederson); Nikão, Pablo (Gedoz) e Douglas Coutinho (Grafite). Técnico: Eduardo Baptista

SANTOS: Vanderlei; Daniel Guedes, Lucas Veríssimo, David Braz e Jean Mota; Renato, Thiago Maia (Alison) e Vitor Bueno (Cleber); Bruno Henrique, Copete e Kayke (Leandro Donizete). Técnico: Elano

(Texto: Ranier Grandé)