Santos FC lamenta o falecimento de Geraldino, campeão da Libertadores e do Mundial Interclubes

Santos FC lamenta o falecimento de Geraldino, campeão da Libertadores e do Mundial Interclubes

O Santos FC lamenta o falecimento de Geraldino, de 78 anos, campeão da Libertadores da América e do Mundial Interclubes em 1963. O Clube decretou três dias de luto. O velório acontece a partir das 18 horas desta sexta-feira (30), na Beneficência Portuguesa, em Santos.

O ex-lateral esquerdo jogou no Peixe no período de 1963 a 1968, em 212 partidas com dois gols marcados. Também foi tricampeão brasileiro, em 1963-1964-1965. Conquistou os títulos de Campeão Paulista nos anos de 1964/65/67 e 68, além de campeão do Torneio Rio-São Paulo nos anos de 1964 e 66.

Geraldo Antônio Martins nasceu no dia 11 de janeiro de 1940, na cidade mineira de Raposo e foi contratado junto ao Cruzeiro de Belo Horizonte, onde despontou para o futebol brasileiro.

Geraldino, que tinha no elenco santista o apelido de Padre, jogou sua primeira partida com a camisa do Peixe no dia 25 de maio de 1963, em partida amistosa disputada na França, no empate em 1 a 1 diante da equipe do FK Partizan da Sérvia.

A última vez que defendeu as cores do Santos FC foi no dia 12 de julho de 1968, na derrota diante do New York Generals no Yankee Stadium em Nova York nos Estados Unidos em partida amistosa.