Santos FC perde para o Sport (PE) por 1 a 0 na Vila Belmiro

Santos FC perde para o Sport (PE) por 1 a 0 na Vila Belmiro

O Santos FC não somou pontos na décima rodada do Campeonato Brasileiro. Na noite deste sábado (24), na Vila Belmiro, o Peixe perdeu para o Sport (PE) por 1 a 0. O único gol da partida foi marcado por Osvaldo, aos 35 minutos do segundo tempo. Com este resultado, o Alvinegro Praiano permanece com 16 pontos, na quarta posição do Nacional.

A equipe santista iniciou a partida trabalhando bastante a bola para furar o bloqueio defensivo do Sport. A primeira oportunidade de gol foi criada somente aos 15 minutos, com um cabeceio de Lucas Veríssimo defendido por Magrão. Segundos depois, após o Peixe retomar a bola no campo defensivo, Copete acionou Kayke em velocidade e viu o camisa 11 bater à direita do gol na grande área.

O Peixe levou perigo ao gol adversário novamente com Kayke, aos 45 minutos. Após jogada de Renato, pela direita, Lucas Lima recebeu na grande área e foi travado na hora da finalização. Na sobra, o camisa 11 bateu colocado e viu a bola passar perto da trave direita.

Na segunda etapa, o Peixe seguiu com maior posse de bola e chegou a ter uma ótima oportunidade com Jean Mota, aos 23 minutos. Porém, aos 35, Osvaldo marcou o único gol da partida, que deu a vitória aos visitantes.

Pelo Campeonato Brasileiro, o Peixe volta a campo no próximo sábado (1) diante do Atlético (GO). A partida, válida pela 11ª rodada do Nacional, será realizada às 19 horas no Estádio Olímpico Pedro Ludovico, em Goiânia (GO). Antes disso, valando a primeira partida as quartas de final da Copa do Brasil, o Alvinegro Praiano encara o Flamengo às 21h45 desta quarta-feira (28). O desafio será na Ilha do Urubu, no Rio de Janeiro (RJ).

Santos FC 0 x 1 Sport
Local: Vila Belmiro, 26 de junho de 2017, às 19 horas;
Árbitro: Rafael Traci (PR);
Auxiliares: Ivan Carlos Bohn (PR) e Luciano Roggenbaum (PR);
Cartões amarelos: Lenis (SPO);
Gol: Osvaldo aos 35 2ºT (SPO).

Santos FC: Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Fabián Noguera e Jean Mota; Renato, Thiago Maia (Vladimir Hernandez) e Lucas Lima; Bruno Henrique, Kayke (Vitor Bueno) e Copete. Técnico: Levir Culpi.

Sport: Magrão; Raul Prata (Samuel Xavier), Ronaldo Alves, Oswaldo Henríquez e Sander; Patrick, Rodrigo (Thallyson), Everton Felipe (Osvaldo) e Diego Souza; Lenis e André. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.