Na Vila Belmiro, Santos FC vence Ponte Preta e se mantém no G-4

Na Vila Belmiro, Santos FC vence Ponte Preta e se mantém no G-4

(foto: Ivan Storti / Santos FC)

O Peixe conquistou mais um resultado positivo no Brasileirão. Dessa vez, jogando na Vila Belmiro, venceu a Ponte Preta por 3 a 1. Os gols santistas foram marcados por Victor Ferraz, Vitor Bueno e Gabriel.

A equipe comandada pelo técnico Dorival Jr. dominou amplamente as ações do jogo, criando diversas oportunidades desde o início da partida, utilizando rápidas inversões de jogo, buscando espaço na defesa adversária. Em uma dessas boas tramas ofensivas, aos 21 minutos, o ataque santista sofreu falta. Nela, Vitor Bueno soltou uma bomba que explodiu na trave. No rebote, Victor Ferraz, de cabeça, abriu o placar.

Na segunda etapa, o Peixe seguiu pressionando o adversário e, aos 10 minutos ampliou o placar. Gabriel tocou para Ricardo Oliveira, que cruzou rasteiro para Vitor Bueno ampliar o marcador. Na sequência da segunda etapa, a Ponte Preta chegou a pressionar um pouco a equipe santista, mas com isso, deixou mais espaço em sua defesa, o suficiente para o Santos FC ampliar o placar, com Gabriel, aos 27 minutos.

Aos 39, a equipe pontepretana diminuiu o marcador com o centroavante Roger.

Com o resultado, o Peixe se mantém na quarta colocação, com 26 pontos ganhos.

FICHA TÉCNICA:
SANTOS 3 X 1 PONTE PRETA

Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data: 16 de julho de 2016, sábado
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Marielson Alves Silva (BA ? ASP-FIFA)
Gols: Victor Ferraz, Vitor Bueno e Gabriel (Santos); Roger (Ponte Preta)

SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz, Luiz Felipe, Gustavo Henrique e Zeca; Renato, Thiago Maia, Vitor Bueno e Lucas Lima (Vechio); Gabriel (Elano) e Ricardo Oliveira (Rodrigão). Técnico: Dorival Júnior.

PONTE PRETA: João Carlos, Nino Paraíba, Fábio Ferreira, Grolli e Reinaldo; Matheus Jesus (Felipe Menezes), Wendel e Rayner; Maycon, Clayson (Giva) e Pottker (Roger) Técnico: Eduardo Baptista.

(Texto: Ranier Grandé)