Na última partida da primeira fase do Paulistão, Santos FC vence o Audax na Vila Belmiro

Na última partida da primeira fase do Paulistão, Santos FC vence o Audax na Vila Belmiro

(fotos: Ivan Storti/Santos FC)

O Santos FC mostrou que irá forte para as quartas-de-final do Campeonato Paulista. Mesmo com vários desfaques (Renato, Alison e Paulinho no Departamento Médico e Gustavo Henrique, Thiago Maia, Elano e Gabriel suspensos), o Peixe venceu, de virada, o Audax por 2 a 1, neste domingo (1), na Vila Belmiro.

O Alvinegro Praiano começou perdendo. Wellington marcou 1 a 0 para o adversário no final do primeiro tempo. Na segunda etapa aconteceu a reação santista. Aos 13 minutos Ricardo Oliveira fez bela jogada e ajeitou para Léo Cittadini, que chutou de perna esquerda, sem chance para o goleiro Sidão.

Gol Cittadini

A virada aconteceu após Victor Ferraz entrar na área pela direita. Ronaldo Mendes, que tinha acabado de entrar, ficou com a bola. Ele tirou a marcação e chutou forte dando números finais a partida.

Gol Rodrigo Mendes
O Peixe encerrou a primeira fase da competição na liderança do grupo A, com 32 pontos e tem o melhor ataque do Paulistão, com 28 gols. Nas quartas-de-final o Santos FC irá enfrentar o São Bento e como fez melhor campanha tem o mando de jogo. A data e horário ainda serão definidos.

 

FICHA TÉCNICA

SANTOS 2 X 1 AUDAX
Data/hora:
10/4/2016 / 16 horas
Local: Vila Belmiro, em Santos

Árbitro: Rafael Gomes Felix da Silva
Auxiliares: Vitor Carmona Metestaine e Leandro Fernandes Rodrigues

Público e renda: 12.368 pessoas / R$ 114.150,00
Cartões Amarelos: Zeca (Santos FC); Sidão, Tchê Tchê e Gabriel Nunes (Audax)
Gols: Mike, 43′ do 1º tempo; Léo Cittadini, 13′  o 2º tempo ; Ronaldo Mendes, 42′ do 2º tempo

Santos FC: Vanderlei, Victor Ferraz, David Braz, Luiz Felipe (Ronaldo Mendes – 41′ do 2º tempo) e Zeca; Rafael Longuine, Léo Cittadini, Vitor Bueno (Joel – 32′ do 2º tempo) e Lucas Lima; Patito (Serginho – 17′ do 2º tempo) e Ricardo Oliveira. Técnico: Dorival Júnior.

Audax: Sidão, Francis (Bruno Lima – 26′ do 2º tempo), Yuri, Gabriel Nunes (Renan – 17′ do 2º tempo) e Velicka; Tchê Tchê, Henrique (Samoel – 20′ do 2º tempo) e Rodolfo; Mike, Ytalo e Wellington. Técnico: Fernando Diniz.