Na festa de 100 anos da Vila Belmiro, Santos FC e Benfica empatam por 1 a 1

Na festa de 100 anos da Vila Belmiro, Santos FC e Benfica empatam por 1 a 1

Foto: Ivan Storti/SantosFC

A Vila Belmiro teve uma tarde de festa neste sábado. Em comemoração ao centenário do Estádio Urbano Caldeira, que faz 100 anos nesta quarta-feira (12), o Santos FC empatou com o Benfica (POR) por 1 a 1. Os gols da partida foram marcados por Salvio, para os portugueses, e pelo zagueiro Fabián Noguera, estreante com a camisa do Peixe.

O primeiro tempo foi equilibrado, com as duas equipes buscando o gol com velocidade. O atacante Ricardo Oliveira chegou assustar o goleiro adversário logo no primeiro minuto e, também, no 16º, quando arriscou de fora da área e viu o Ederson espalmar e Copete desperdiçar o rebote.

No final do primeiro tempo, Giovanni entrou no lugar de Ricardo Oliveira e, Léo, com a camisa do Benfica, substituiu o atacante Carrillo. No intervalo, G10 foi homenageado e se despediu oficialmente da torcida santista ao receber uma placa do presidente do Conselho Deliberativo, Fernando Bonavides. Também antes da bola voltar a rolar, Léo recebeu uma placa do Santos FC, representado pelo ex-presidente santista Marcelo Teixeira.

Logo no início da etapa final, o Benfica abriu o marcador de pênalti com o atacante Salvio. O Santos FC seguiu buscando o gol de empate, porém, foi o time português que teve a oportunidade de ampliar o placar em mais um pênalti. Aos 39 minutos, o atacante José Gomes cobrou a penalidade e viu o goleiro João Paulo saltar para direita e defender a meta do Peixe.

Contagiado pela defesa do Menino da Vila e pela torcida, o Alvinegro Praiano se lançou ao ataque e empatou a partida aos 42 minutos com o zagueiro Fabián Noguera. Após cobrança de falta de Matheus Oliveira, a bola desviou em Caju e sobrou para Noguera cabecear e dar números finais ao embate.

Após o apito final, os atletas receberam uma medalha em comemoração à partida e a Vila Belmiro foi coberta por fogos de artifício.

Pelo Campeonato Brasileiro, o Santos FC volta a campo na quinta-feira (13) diante do São Paulo. A partida será realizada no Estádio do Pacaembu, às 21 horas.

Santos FC 1 x 1 Benfica (POR)
Local: Vila Belmiro, às 16h05
Árbitro: Raphael Claus;
Auxiliares: Rogério Pablos Zanardo e Bruno Salgado Rizo;
Cartões amarelos: Luiz Felipe (SFC);
Gol: Salvio, no primeiro minuto do segundo tempo (BEN); Fabián Noguera aos 42 min do segundo tempo (SFC).

Santos FC: Vanderlei (John Victor) (João Paulo); Victor Ferraz (Daniel Guedes), Luiz Felipe (Fabián Noguera), Davir Braz (Lucas Veríssimo) e Zeca (Caju); Thiago Maia (Léo Cittadini) (Fernando Medeiros), Renato (Yuri) (Matheus Oliveira), Jean Mota (Paulinho) (Joel) e Elano (Vecchio) (Walterson); Ricardo Oliveira (Giovanni) (Rodrigão) (Léo) e Copete (Rafael Longuine). Técnico: Dorival Júnior.

Benfica (POR): Ederson; André Almeida (Alan Benítez), Lisandro López (Rúben Dias), Luisão e Eliseu (Yuri Ribeiro); Celis, Danilo, Cervi (Dálcio); Luka Jovic (José Gomes), Salvio e Carrilho (Léo) (Diogo Gonçalves). Técnico: Rui Vitória.