Memória: Santos FC inaugurava os refletores na praça de esportes na Vila Belmiro

Memória: Santos FC inaugurava os refletores na praça de esportes na Vila Belmiro

No dia 21 de março de 1931 o Santos FC jogava pela primeira sob a luz de refletores em sua praça de esportes na Vila Belmiro, que ainda não tinha recebido o nome de Estádio Urbano Caldeira. Esse primeiro jogo noturno foi um empate diante da Seleção Santista pelo placar de 1 a 1. O jogador Cruz da Portuguesa Santista foi quem marcou o primeiro tento naquela noite em que foi inaugurada iluminação artificial que viu Camarão marcar o gol do Peixe que formou com: Athié; Pinheiro e Meira; Oswaldo, Júlio e Alfredo; Vitor Gonçalves, Camarão, Feitiço, Mario Seixas e Evangelista. O técnico era Ramon Platero. O Santos ficou de posse da Taça “Morse”.

Curiosidade:

Aníbal de Andrade Torres, o inesquecível Camarão, autor do gol santista e que era irmão de Siriri e Lagosta jogou pelo Peixe no período de 1923 a 1932, 270 partidas e marcou 150 gols e é o 11º artilheiro no geral do clube e foi também técnico da equipe principal nos anos de 1937/38 e 1939.

Guilherme Guarche – Coordenador do Centro de Memória e Estatística