Memória: Santos FC enfrentava, em jogo-treino, a Seleção Brasileira

Memória: Santos FC enfrentava, em jogo-treino, a Seleção Brasileira

No dia 24 de setembro de 1917, numa distante segunda-feira, o time do Santos FC enfrentava em jogo-treino em seu estádio que ainda não levava o nome de Urbano Caldeira e era conhecido apenas como campo do Santos, a equipe principal do selecionado brasileiro em partida que teve 60 minutos de duração sem intervalo e foi vencida pela Seleção Brasileira pelo placar de 5 a 1 com gols de Neco, Arnaldo Silveira, Amilcar, Dias e Lagreca, já o tento de honra santista foi assinalado por Haroldo Pires Domingues.

O Santos FC formou com: Otto (SB ); Artur e Américo; Pereira, Jarbas e Paula Ramos
(SB); Millon (BRA), Marba, Ary , Haroldo e Maninho, o time da CBD formou com: Casemiro; Vidal, Chico Netto; Picagli, Lagreca, Gallo; Caetano, Dias, Amilcar, Neco e Arnaldo Silveira. Os jogadores que atuaram pelo Santos, Otto, P. Ramos, Haroldo e Millon eram da Seleção Brasileira.

A Seleção treinou contra o time santista aproveitando a parada em Santos já que o elenco brasileiro levaria os jogadores do Santos FC, Arnaldo Silveira , Millon e Haroldo para a disputa do campeonato sulamericano em Montevidéo.

Após a partida a imprensa assim se expressou:
“Terminado o jogo, os bravos players dirigiram-se em automóveis para bordo do Leão XIII que estava atracado no Porto de Santos, onde lhe foi feita uma carinhosa manifestação de despedida. Boa viagem e melhor fortuna nos formidáveis encontros e o que auguramos a brava rapaziada”.