Memória: Santos FC conquistava o bicampeão Paulista

Memória: Santos FC conquistava o bicampeão Paulista

No dia 15 de maio de 2011, o Santos FC sagrava-se Bicampeão Paulista ao vencer pela 19ª vez o campeonato paulista derrotando na Vila Belmiro a equipe do time mais popular da capital paulista pelo placar de 2 a 1 com gols de Arouca e Neymar formando com: Rafael, Jonathan (Pará), Edu Dracena, Durval, Léo (Alex Sandro), Adriano, Arouca, Elano, Alan Patrick (Rodrigo Possebon), Neymar e Zé Eduardo. O técnico Muricy Ramalho.

O Peixe jogou nessa final perante um público pagante de 14.332 que proporcionaram a renda de R$ 745.610,00 foram 23 partidas ao todo no certame com o Peixe obtendo 14 vitórias, 06 empates e 03 derrotas marcando 45 e sofrendo 21 gols.

Artilheiros no campeonato: Elano (11) foi também um dos artiheiros do certame ao lado do jogador Liédson do time que perdeu a final, Maikon Leite e Zé Eduardo (7), Keirrison (6), Neymar (4), Ganso (2) e Rodrigo Possebon, Felipe Anderson, Léo Bastos, Edu Dracena, Jonathan, Tiago Alves, Alan Patrick e Arouca todos com 01 gol. Foi o primeiro gol marcado pelo volante Arouca com a camisa do Santos, até hoje o esforçado jogador santista já marcou além desse gol mais outro na vitória diante do Guarani por 2 a 0 no ano de 2012 no Brinco de Ouro em partida válida pelo campeonato paulista.

Curiosidade

Contra o time Alvinegro da capital paulista o Santos FC já disputou na Vila Belmiro 104 partidas obtendo 47 vitórias, 22 empates e 35 derrotas marcando 204 e sofrendo 185 gols. Somente em jogos do campeonato paulista também na Vila Belmiro, desde 1917 foram 61 partidas com 28 vitórias, 13 empates e 20 derrotas marcando o Peixe 128 e sofrendo 185 gols.

Um detalhe importante é que por medidas de segurança o Santos ficou muitos anos sem poder atuar na Vila Belmiro sendo obrigado a jogar na cidade de São Paulo onde eles tem mais torcida, talvez seja esse o motivo deles terem mais vitórias no geral do que o Santos FC. Desde a queda do alambrado no ano de 1964 o Santos só voltou a ter o mando de campo no ano de 1971, depois voltou a Vila no ano de 1976 jogando duas partidas e depois joga mais duas partidas no ano de 1986 retornando a jogar anualmente na Vila a partir de 1995.

Guilherme Guarche. – Coordenador do Centro de Memória e Estatística