Memória: Pela segunda vez na história, Peixe jogava no Morumbi

Memória: Pela segunda vez na história, Peixe jogava no Morumbi

No dia 03 de setembro de 1961, o time do Santos FC jogava pela segunda vez no estádio Cícero Pompeu de Toledo, o popular Morumbi, na capital paulista em partida do campeonato paulista e vencia o dono da casa pelo placar de 6 a 3 com o Rei Pelé marcando 4 gols. Dorval e Pepe completaram a goleada com um gol cada e o Peixe formou com: Laércio; Getúlio, Mauro e Dalmo; Formiga e Zito; Tite, Mengálvio, Dorval, Pelé e Pepe. O técnico era Luiz Alonso Perez, o Lula.

Um detalhe importante que marcou essa segunda exibição do Peixe nesse estádio foi que o centroavante santista era Dorval, que substituiu o então titular Antônio Wilson Honório, o Coutinho. A primeira partida santista no estádio do Morumbi, que ainda estava em obras, foi dia 11 de novembro de 1960 diante do mesmo São Paulo.

Curiosidade

Até hoje, o Alvinegro mais famoso do mundo já disputou exatas 281 partidas no estádio do Morumbi vencendo 83 empatando 90 e perdendo 108 partidas marcando 354 e sofrendo 388 gols. O Rei Pelé jogou no campo do tricolor paulista, 51 partidas tendo vencido 21 empatado 18 e perdido 12 partidas marcando 29 gols.

O estádio paulistano em que mais jogou o time do Alvinegro é o estádio do Pacaembu com 496 partidas, já no Palestra Itália que o terceiro estádio com jogos do Peixe foram jogadas 133 partidas. Ao todo, na capital paulista, o Santos FC já jogou, desde o remoto ano de 1913, exatas 1148 partidas vencendo 429 empatando 308 e perdendo 411, marcando 1864 e sofrendo 1842 gols.

Guilherme Guarche – Coordenador do Centro de Memória e Estatística