Memória: Peixe era campeão invicto da Fase de Classificação

Memória: Peixe era campeão invicto da Fase de Classificação

No dia 30 de setembro de 1956, o Santos FC se tornava Campeão da Fase de Classificação de forma invicta, do Campeonato Paulista ao vencer a Portuguesa Santista na Vila Belmiro por 4 a 2 com gols de Tite (2), Jair Rosa Pinto e Urubatão formando com: Manga; Hélvio e Ivan; Ramiro, Urubatão e Zito; Alfredinho, Del Vecchio, Pagão, Jair Rosa Pinto e Tite. O técnico era Luiz Alonso Perez, o Lula. Com essa conquista o clube recebeu o troféu dr. Jorge dos Santos Caldeira.

A Portuguesa Santista formou com: Lepera; Pixu e Gerolino; Jorge, Carlito e Pinduca; Souzinha, Freitas, Miltinho, Afonsinho e Valdo. Nessa fase de classificação, o time santista jogou 17 partidas vencendo 14 e empatando 4 partidas marcando 51 e sofrendo 16 gols, os artilheiros nesses jogos foram: Vasconcelos (10), Tite (9), Del Vecchio (7), Álvaro (6), Pagão e Pepe (4), Zito (3), Jair Rosa Pinto e Alfredinho (2), Ramiro e Urubatão (1) e com um gol contra a favor do Santos marcaram Ney e Julião um tento cada.

Curiosidade

Esse estranho torneio de classificação organizado pela Federação Paulista de Futebol só aconteceu nos anos de 1956 e 1957. Embora já fizesse parte do elenco santista e já tivesse estreado na equipe principal do Alvinegro, embora já estive fazendo parte do elenco santista, o Rei Pelé não disputou nenhuma das 17 partidas do torneio.

Guilherme Guarche – Coordenador do Centro de Memória e Estatística