Memória: Peixe conquistava o Torneio Pentagonal de Guadalajara

Memória: Peixe conquistava o Torneio Pentagonal de Guadalajara

Por ter vencido o Torneio Pentagonal de Guadalajara o Santos FC recebeu o Troféu Juan Gil Preciado como prêmio pela conquista do torneio em solo mexicano. A última partida no pentagonal aconteceu no dia 26 de fevereiro de 1961 quando então o Peixe empatou em 3 a 3 com a equipe do América do Rio de Janeiro no Estádio de Jalisco em Guadalajara com Coutinho, Pepe e Dorval marcando os gols peixeiros que formou com: SFC: Laércio; Fioti, Mauro e Dalmo (Zé Carlos, depois Formiga); Zito e Calvet; Dorval, Mengálvio, Coutinho (Sormani), Pelé e Pepe (Tite). O técnico era Luiz Alonso, o Lula.

O Alvinegro jogou além do empate com o América Carioca mais três partidas: venceu o Chivas Guadalajara (6 a 2), venceu o América mexicano (6 a 2) e venceu o Atlas de Guadalajara (2 a 0), o time santista marcou 17 e sofreu 07 gols com Pepe, Coutinho e Dorval marcando 04 gols cada um, Pelé (2), Mengálvio, Pagão e Zito um gol cada.

Curiosidade

Em um intervaldo do torneio, alguns jogadores santistas ao lado do Rei Pelé, participaram de algumas cenas de um longa-metragem de nome “Mundo de Noche”, da empresa italiana “Júlia Films”, rodado no Estádio da Cidade Universitária. O objetivo do filme era mostrar um lance de gol do Rei Pelé.

Guilherme Guarche – Coordenador do Centro de Memória e Estatística