Memória: Nascia Tite, um dos grandes atacantes das história do Santos FC

Memória: Nascia Tite, um dos grandes atacantes das história do Santos FC

No dia 04 de junho de 1930, nascia na cidade de Campos dos Goytacazes, no estado do Rio de Janeiro, Augusto Vieira de Oliveira, o extraordinário atacante do Santos FC, Tite, ou como os amigos o chamavam simplesmente de Titoca.

Antes de defender o Alvinegro da Vila Belmiro, o craque defendeu as cores das equipes do Goytacaz e do Fluminense carioca. Sua primeira partida pelo Peixe ocorreu no dia 20 de maio de 1951 diante do Palmeiras no Pacaembu em partida da Taça Cidade de São Paulo com o Peixe formando com: Robertinho; Hélvio e Expedito; Nenê, Pascoal e Ivan; Cento e Nove, Antoninho, Cilas, Odair e Tite. O técnico era Niginho.

Cinco dias antes desse jogo, Tite jogou pelo Fluminense contra o Santos FC e marcou um dos gols do time carioca que venceu a partida pelo placar de 3 a 0 em partida amistosa no Estádio das Laranjeiras. Com a camisa do Alvinegro mais famoso do mundo, Tite jogou 475 partidas e marcou 151 gols no período de 1951 a 1957 e depois nos anos de 1960 a 1963 ele é o 10º artilheiro na história do Santos FC. Pela Seleção Brasileiro enquanto defendia o Peixe ele jogou 03 partidas e marcou 01 gol. Pelo Peixe ele conquistou os seguintes títulos:

1955 – Campeonato Paulista
1956 – Campeonato Paulista, Torneio Internacional da FPF, Taça San-São e Taça dos Invictos
1960 – Campeonato Paulista, Torneio de Paris e Troféu Giallorosso
1961 – Taça Brasil, Campeonato Paulista, Torneio Itália, Torneio de Paris, Triangular da Costa Rica e Pentagonal de Guadalajara
1962 – Taça Libertadores da América, Mundial Interclubes, Taça Brasil e Campeonato Paulista
1963 – Taça Libertadores da América, Mundial Interclubes, Taça Brasil e Torneio Rio-São Paulo.

A última vez em que entrou em campo para jogar pelo Peixe foi no dia 22 de agosto de 1963, no empate diante do Botafogo carioca no Pacaembu pela Taça Libertadores da América, pelo placar de 1 a 1 com Pelé marcando o tento santista que formou com: Gilmar; Dalmo, Mauro, Calvet e Geraldino; Zito e Lima; Dorval, Coutinho, Pelé e Tite (Toninho Guerreiro). O técnico era Luiz Alonso Perez, o Lula.

Curiosidade

Titoca, é tio do ídolo santista Léo Bastos, em uma entrevista ele falou que: ““Eu nem sabia que ele era meu parente. Quem me contou na época foi o Robert (ex-jogador do clube). Faz uns três anos que descobri que o Léo era meu sobrinho. Na verdade, a mãe dele contou que tinha uma pessoa que trabalhava no Santos que era tio dele, então ele entrou em contato com os jogadores e o Robert veio contar pra mim.” Tite faleceu aos 74 anos em Santos no dia 26 de agosto de 2004.
Guilherme Gomez Guarche – Coordenador do Centro de Memória e Estatística