Memória: Giovanni fazia sua última apresentação no Peixe em segunda passagem pelo clube

Memória: Giovanni fazia sua última apresentação no Peixe em segunda passagem pelo clube

(Foto: Arquivo)

No dia 12 de janeiro de 2006 o craque Giovanni fazia sua última apresentação envergando a camisa do Santos FC, em sua segunda passagem pelo Alvinegro mais famoso do mundo. O ídolo paraense se despedia da equipe na partida diante do São Bento, válida pelo Campeonato Paulista, que terminou empatada em 1 a 1 com Luciano Henrique marcando para o Peixe. O time que formou com: Fábio Costa; Neto, Manzur, Luis Alberto e Kleber; Fabinho Alves, Maldonado, Wendell (Léo Lima) e Giovanni (Luciano Henrique); Cláudio Pitbull e Luizão (Geílson). O técnico era Vanderlei Luxemburgo.

O “Messias”, apelido que ganhou da torcida santista, já tinha jogado em sua primeira passagem pelo Santos FC 103 partidas. Nessa segunda passagem que foi de 2005 e 2006 ele jogou 30 partidas. Quando retornou ao Peixe no ano de 2010 atuou em 8 partidas, totalizando 141 partidas, marcando 73 gols. Pelo Alvinegro ele conquistou os títulos de Campeão Paulista em 2006 e 2010 e Campeão da Copa do Brasil em 2010.

Servindo a Seleção Brasileira, enquanto esteve no Peixe, ele jogou 6 partidas e não marcou nenhum gol. No ano de 1996 foi o artilheiro máximo do Campeonato Paulista com 24 gols e despertou o interesse do Barcelona, e sua primeira despedida do time da Vila Belmiro foi em um amistoso realizado no dia 20 de junho de 1996 que terminou com a vitória santista por 2 a 0 diante do Real Madrid com gols de Camanducaia e Jamelli.

Em 1998 foi convocado pelo técnico Zagallo para participar da Copa do Mundo na França e atuou apenas no primeiro jogo diante da Escócia vencido pelo Brasil por 2 a 1. Após o mundial, o “Messias” ficou mais uma temporada no time da Catalunha, e se transferiu para o Olympiakos da Grécia, onde se tornou um dos melhores jogadores do time grego e da história do país europeu. Lá recebeu o apelido de “Mago”.

Guilherme Guarche e Gabriel Santana – Centro de Memória e Estatísticas do Santos FC