Memória: Em jogo espetacular, Santos FC vencia o Palmeiras por 7 a 6

Memória: Em jogo espetacular, Santos FC vencia o Palmeiras por 7 a 6

No dia 06 de março de 1958 no Estádio Paulo Machado de Carvalho, o popular Pacaembu, aconteceu uma das mais memoráveis partidas disputadas pela equipe do Santos FC em toda a sua brilhante história. O time praiano venceu de forma espetacular a equipe do Palmeiras pelo placar de 7 a 6 com a seguinte formação: Manga; Hélvio (Urubatão) e Dalmo; Fioti, Ramiro e Zito; Dorval, Jair Rosa Pinto, Pagão (Afonsinho), Pelé e Pepe. Essa partida histórica foi a de nº 114 disputada pelo Peixe no Pacaembu de um total de 496 partidas jogadas até hoje.

No primeiro tempo o Peixe desceu para os vestiários vencendo por 5 a 2. No segundo tempo o time palestrino virou e chegou a estar vencendo até o gol de empate marcado pelo ponta-esquerda Pepe, aos 38′ pelo placar de 6 a 5. Depois do gol de empate o Alvinegro através do mesmo Pepe voltou a marcar já no finalzinho do jogo aos 41′ finalizando a goleada pelo estonteante placar de 7 a 6.
Para os palmeirenses marcaram: Urias (2), Mazzola (2), Nardo e Paulinho. Para o Santos marcaram (pela ordem): Pelé, Pagão, Dorval e Pepe dois gols no primeiro tempo e mais dois gols na etapa complementar. Os 43.068 espectadores presentes no lendário Pacaembu saíram felizes do estádio cientes de terem assistidos uma das mais incríveis e atípicas partidas de futebol.

Curiosidade
Segundo comentou-se nos dias posteriores a essa partida que 03 pessoas morreram durante o desenrolar do jogo, uma pessoa morreu em Campinas, outra em São Paulo e uma na cidade de Santos, quando ouvia o jogo pelo radinho de pilha, todas tiveram como causa-mortis, ataque cardíaco.

Guilherme Guarche – Coordenador do Centro de Memória e Estatística